kg↑ iPoney Lindo

Interessado:

Nome: Sick Child
Perfil na FBTF: https://fbtf.tf/users/256

Decisão de suspensão:

A Equipe da FBTF constatou que, na partida Damn. vs chilean wave da Copa, o jogador Sick Child utilizou jogador Fall que não integrava a sua equipe à época.

Como se sabe, o Regulamento da LBTF2 estabelece:

Regulamento da LBTF2:
5.6. Além dos mercenários, somente poderão participar das partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) os jogadores que integrem, regularmente, uma das equipes da partida e que não estejam impedidos de jogar em razão de punição.

Sem dúvida, a utilização de jogador irregular configura infração e enseja a aplicação da punição regulamentar:

Regulamento da LBTF2:
9.26. Utilizar o líder de equipe jogador não autorizado a jogar durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
Punição: suspensão de 1 (uma) a 4 (quatro) rodadas.
9.26.1. A punição será de banimento de 1 (um) a 4 (quatro) meses, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.26.2. Além do líder, será punido com a mesma reprimenda também o joga-dor que participou da partida em situação irregular.
9.26.3. Comprovada a infração, será revertida a partida em benefício da equipe adversária.
9.26.4. Antes da decretação da reversão, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.26.5. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

No caso concreto, não há dúvida de que o jogador Fall é banido e foi utilizado como mercenário, mesmo sem autorização do líder da equipe adversária, conforme se pode observar das logs: https://logs.tf/2865630#76561199052902777 e https://logs.tf/2865595#76561199052902777

A prova produzida não deixa dúvidas e o caso, portanto, é de aplicação das punições regulamentares.

Por outro lado, em relação à punição de suspensão, o Regulamento da LBTF2 estipula:

Regulamento da LBTF2:
9.3. As punições serão aplicadas nos limites das disposições regulamentares, sendo individualizadas para cada infrator, levando em consideração:
9.3.1. As circunstâncias e as consequências do fato;
9.3.2. A reprovabilidade da conduta;
9.3.3. A reincidência ou a primariedade do infrator e a sua a intenção ao praticar o ato;
9.3.4. O comportamento da vítima.

Nota-se que as circunstâncias da infração foram comuns ao que se poderia esperar do acontecido. Ainda, a infração não trouxe consequências negativas para o andamento da competição, pois a vitória da partida foi do time Barebones e não foi necessária a realização de novas partidas. O jogador infrator era primário à época do fato e a infração foi causada para evitar prejuízo para sua equipe durante a partida. Apesar disso, a sua conduta é reprovável, pois ele tinha consciência da utilização de jogador irregular e tentou burlar as regras da competição. O comportamento das vítimas em nada contribuiu para a infração.

Por todos esses motivos, a punição fica estabelecida em 1 (uma) rodada de suspensão.

Por todos esses motivos, FICA O JOGADOR SICK CHILD SUSPENSO, EM TODAS AS SUAS CONTAS, DA COPA FBTF POR 1 (UMA) RODADA, a contar da data desta decisão.

A presente decisão é irrecorrível, somente podendo ser revista no caso de surgimento de novas provas, nos termos da regra 9.2.14. do Regulamento da LBTF2:

Regulamento da LBTF2:
9.2.14. A decisão que aplicar punição é irrecorrível, somente podendo ser alterada no caso de surgimento de provas novas, hipótese em que o caso poderá ser analisado novamente pela Equipe da FBTF.

16 de março de 2020.

iPoney
Staff da FBTF