Última atualização: 23 de outubro de 2020.

1

Caso prefira, você pode baixar o regulamento em pdf.

Termos comuns da FBTF

Abaixo são indicados, em ordem alfabética, os termos comuns utilizados pelos regulamentos da Federação Brasileira de Team Fortress (FBTF) e seus respectivos significados:
6v6: é a modalidade competitiva de Team Fortress 2 em que as equipes possuem 6 (seis) jogadores cada, sendo a configuração básica com 2 (dois) scouts, 2 (dois) soldiers, 1 (um) demoman e 1 (um) medic. As outras classes também são usadas, conhecidas como off-class, dentro dos limites estipulados pelos regulamentos;
9v9 (ou Highlander): é a modalidade competitiva de Team Fortress 2 em que as equipes possuem 9 (nove) jogadores cada, sendo 1 (um) de cada classe;
Anulação: é o comando da Equipe da FBTF que torna sem validade o mapa ou a partida realizada, determinando que outra seja realizada com a correção de infração ou de irregularidade;
Bug: é o erro informático que altera ou diminui a funcionalidade do Team Fortress 2;
Classe: é o personagem do Team Fortress 2 com habilidades diferentes. O jogo possui 9 (nove) classes: Scout, Soldier, Pyro, Demoman, Engineer, Heavy, Medic, Sniper e Spy;
Crash: é o erro informático ou limitação de funcionalidade que causa o fechamento do Team Fortress 2 ou de servidor;
Demo (ou POV): é o arquivono formato .dem que contém a gravação da tela de um jogador durante uma partida, podendo ser reproduzido pelo Team Fortress 2;
Divisão: é o agrupamento de equipes de acordo com seu nível técnico, para disputar entre elas a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2);
Escalação: é a relação dos jogadores da equipe, bem como de mercenários, escolhidos pelo líder para participar de uma partida;
Equipe: é o grupo de jogadores organizados por um líder, para participar da Liga Brasileira de Team Fortress 2;
Equipe da FBTF (ou Staff): é a Equipe de jogadores que participam da FBTF, organizando as competições;
Espectador (ou spec): é o jogador que está conectado do servidor de Team Fortress 2, mas não integra nenhum time, podendo assistir à partida;
Exploit: é o uso intencional de bug ou de glitch do Team Fortress 2;
Fase: é uma das etapas da competição, podendo ser fase classificatória, de desempate ou eliminatória (playoffs);
Forfeit (ou W.O.): é a derrota sofrida em razão do não comparecimento da equipe para início da partida ou em razão da incapacidade de completar uma partida já iniciada;
Formato de jogo: é o conjunto de regras que regulam a forma em que as equipes disputarão o mapa;
Golden Cap (GC): é o round extra disputado pelas equipes, quando houver empate no mapa;
Glitch: é o erro informático que altera a funcionalidade do Team Fortress 2;
Líder: é o jogador responsável pela organização e pela representação da sua equipe durante as competições da FBTF;
Liga: é a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), competição organizada pela FBTF, englobando todas as fases previstas em seu regulamento e todas as suas temporadas;
Limite de classe: é a indicação do número máximo de jogadores que podem integrar uma determinada classe do Team Fortress 2 em um mesmo momento;
Mapa: é o ambiente virtual em que são disputadas as partidas, sendo o objetivo determinado pelo formato de jogo;
Melhor de 3 (três) mapas (MD3): é o formato de partida em que as equipes se confrontam, sucessivamente, em até 3 (três) mapas diferentes, sendo vencedora a equipe que ganhar 2 (dois) mapas.
Melhor de 5 (cinco) mapas (MD5): é o formato de partida em que as equipes se confrontam, sucessivamente, em até 5 (cinco) mapas diferentes, sendo vencedora a equipe que ganhar 3 (três) mapas.
Mercenário: é o jogador que, embora não integre a equipe, é utilizado por ela para substituir um jogador ausente, mediante autorização do líder da equipe adversária;
Nickname (ou nick): é o apelido utilizado pelos jogadores no Team Fortress 2;
Prejuízo: é a ocorrência que altera o desdobramento da partida, afetando negativamente uma das equipes;
Reversão: é o comando da Equipe da FBTF que altera o resultado de um mapa ou de uma partida, concedendo vitória em benefício da equipe prejudicada por infração ou irregularidade;
Reserva: é o jogador que integra a equipe (roster) e que não foi escalado para a partida pelo líder, mas que poderá jogar em substituição a um jogador;
Rodada: é o período de tempo de que dispõem as equipes para realizar as partidas de determinada fase do campeonato;
Roster: é a relação de jogadores que integram a equipe durante a competição;
Set: é o conjunto de um round de defesa e um round de ataque para cada equipe em mapas do formato de jogo Stopwatch;
SourceTV: é a funcionalidade que permite a visualização por terceiros, ao vivo ou não, de partidas de Team Fortress 2;
Steam ID: é o número de identificação de cada conta da Steam, devendo ser utilizada no formato ID 64;
Streamer: é o jogador que transmite, ao vivo, a sua tela durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2);
Streaming: é a transmissão, ao vivo, da partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2);
Substituição: é a troca de jogador escalado por jogador reserva ou por mercenário durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2;
Team Fortress 2: é o jogo eletrônico no qual os campeonatos da FBTF são disputados;
Temporada: é o período durante o qual são realizadas todas as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), desde a abertura das inscrições até o anúncio do resultado final;
Time: é o grupo de jogadores dentro do Team Fortress 2, podendo ser Blu ou Red.

1. Introdução

1.1. O presente regulamento traz as regras da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) da modalidade 6v6.
1.1.1. Para a 17ª temporada da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), valerão as regras previstas neste regulamento, afastadas todas as demais, ainda que previstas no Regulamento Geral da FBTF.
1.1.2. O regulamento objetiva permitir às equipes e aos jogadores participar de um campeonato competitivo, equilibrado, justo e transparente.
1.1.3. Na aplicação do presente regulamento, serão seguidos, na maior medida possível, os princípios:
• 1.1.3.1. Da igualdade de oportunidades e de tratamento entre jogadores e equipes;
• 1.1.3.2. Da competitividade, do balanceamento e do equilíbrio da competição;
• 1.1.3.3. Da anterioridade da previsão das infrações e da irretroatividade das punições;
• 1.1.3.3. Do maior interesse na realização das partidas, prevalecendo estas sobre derrotas por forfeit (W.O.);
• 1.1.3.4. Da necessidade de comprovação de efetivo prejuízo para a anulações ou reversões;
• 1.1.3.5. Da transparência e da fundamentação das decisões da Equipe da FBTF.
• 1.1.3.6. Da prevalência de servidores brasileiros sobre servidores estrangeiros nos casos de impasse para a realização de partidas.

1.2. A Equipe da Federação Brasileira de Team Fortress (FBTF) é a responsável exclusiva pela administração e pela organização da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), bem como pela aplicação fiel, integral e imparcial deste regulamento.

Impedimentos da Equipe da FBTF
1.3. Não poderão participar das deliberações tomadas na gerência Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) os membros da Equipe da FBTF:
• 1.3.1. Que estejam participando da competição, em qualquer divisão, ainda que apenas como mentores, treinadores ou auxiliadores, nos casos em que suas equipes sejam interessadas;
• 1.3.2. Que integrem, ainda que como reservas ou apenas em outros campeonatos, times que participem da competição, nos casos em que tais times sejam interessados;
• 1.3.3. Sejam cônjuge ou companheiro, ou parente, consanguíneo ou afim, em linha reta ou colateral, até o terceiro grau, inclusive, de qualquer jogador inscrito na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), nos casos em que tal jogador seja interessado;
• 1.3.4. Tenham recebido presentes ou aceito promessas de recompensa de qualquer jogador inscrito na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) ou de terceiros, para influenciar na competição;
• 1.3.5. Sejam credores ou devedoras de qualquer jogador inscrito na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), nos casos em que tal jogador seja interessado.
1.3.6. Os membros da Equipe da FBTF indicados nos impedimentos anteriores poderão participar de todas as demais deliberações acerca da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
1.3.7. Caberá, exclusivamente, à Equipe da FBTF decidir, por maioria, acerca da existência ou não de impedimento para atuação de seus membros.

Presunção de conhecimento do regulamento
1.4. Após a publicação, presume-se o conhecimento integral deste regulamento pelos jogadores cadastrados junto à Federação Brasileira de Team Fortress (FBTF), não se podendo alegar o desconhecimento das regras aqui contidas.
1.4.1. A publicação deste regulamento será realizada na língua portuguesa, não tendo validade as traduções para outras línguas que não tenham sido elaboradas pela Equipe da FBTF.
1.4.2. Em caso de contradição entre a versão portuguesa e a versão traduzida deste regulamento, prevalecerá a primeira, ainda que a tradução tenha sido elaborada pela Equipe da FBTF.

Casos omissos
1.5. A Equipe da FBTF decidirá sobre os casos omissos deste regulamento, atendendo aos princípios indicados na regra 1.1.3., aos usos e costumes da comunidade brasileira de Team Fortress 2 e aos princípios gerais de direito.
• 1.5.1. Nos casos omissos, poderão ser utilizadas as regras constantes de Regulamentos anteriores expedidos pela FBTF.

2. Horário, prazos e calendário

Horário padrão da LBTF2
2.1. Todos prazos, todas as datas e todos os horários indicados pela Federação Brasileira de Team Fortress (FBTF) têm como referência o horário oficial de Brasília (DF), Brasil (UTC -3).

2.2. No período de horário de verão, os relógios serão adiantados em 1 (uma) hora, seguindo o horário oficial de Brasília (DF), Brasil. Ao final do período de horário de verão, os relógios serão atrasados em 1 (uma) hora, seguindo o horário oficial de Brasília (DF).
2.2.1. A Equipe da FBTF divulgará o período de horário de verão.

2.3. Durante a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), é obrigação dos jogadores verificar as diferenças de horários, devendo seguir o horário oficial da regra 2.1.
2.3.1. Jogadores estrangeiros e equipes estrangeiras podem participar da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), mas se sujeitarão ao horário oficial.

Forma de contagem de prazos
2.4. Os prazos previstos neste regulamento são contados em dias corridos, de acordo com o calendário brasileiro, sendo irrelevante a ocorrência de dias não úteis ou de feriados municipais, estaduais, nacionais ou estrangeiros.
2.4.1. Os prazos se iniciam no dia indicado pela Equipe da FBTF.
2.4.2. Os prazos contados em dias se encerram às 23h59 do termo final.
2.4.3. Os prazos não se interrompem nem suspendem, exceto quando houver interrupção do funcionamento do site oficial (https://fbtf.tf) ou do servidor do Discord, hipótese em que será restituído ao interessado o restante do prazo.

Calendário oficial da LBTF2
2.5. A Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), na modalidade 6v6, seguirá o calendário divulgado pela Equipe da FBTF, contendo:
• 2.5.1. As datas de início e de término do período de inscrições;
• 2.5.2. As datas-limite para alterações na composição das equipes;
• 2.5.3. As datas de início e de término das fases e das rodadas;
• 2.5.4. As datas-limite para a apresentação dos resultados das partidas e para eventuais requerimentos dos líderes das equipes;
• 2.5.5. As datas-limite para a escolha de mercenários.

Alterações no calendário oficial da LBTF2
2.6. A Equipe da FBTF poderá, no interesse da realização da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), alterar as datas, as rodadas, as partidas e os prazos previstos no calendário.
2.6.1. As alterações no calendário serão divulgadas por intermédio do site oficial (https://fbtf.tf) e pelo servidor de Discord da FBTF, sendo também possível a comunicação dos participantes por outros meios.

3. Cadastro de jogadores na FBTF

3.1. Podem cadastrar-se na Federação Brasileira de Team Fortress (FBTF) todos os jogadores de Team Fortress 2 que cumpram os requisitos deste regulamento, independentemente do gênero, da idade, da raça, da orientação sexual, da crença, da nacionalidade, do nível de jogo ou de quaisquer outras condições pessoais não relacionadas aos impedimentos regulamentares.
3.1.1. Não poderão cadastrar-se na Federação Brasileira de Team Fortress (FBTF) os jogadores que:
• 3.1.1.1. Apresentarem Vac Ban na Source Engine em seus perfis da Steam nos últimos 4 (quatro) anos, ainda que em conta alternativa;
• 3.1.1.2. Tiverem sido punidos com banimento da FBTF, durante a vigência da punição;
• 3.1.1.3. Utilizarem conta da Steam falsa, fake, smurf ou pertencente a terceiro;
• 3.1.1.4. Compartilharem as suas contas da Steam com terceiros.

3.2. O cadastro de jogadores será realizado, exclusivamente, por intermédio do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
3.2.1. Ao criar a sua conta no site da FBTF, o jogador deverá informar:
• 3.2.1.1. O seu nickname;
• 3.2.1.2. Uma imagem de perfil (avatar);
• 3.2.1.3. Uma descrição para seu perfil.

Requisitos do nome e do nickname
3.3. Não serão admitidos nomes ou nicknames que contiverem expressões indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
3.3.1. Nos casos indicados neste dispositivo, sem prejuízo das punições cabíveis, poderá ser determinada, a qualquer momento, a alteração do nome ou do nickname do jogador.
3.3.2. Não serão permitidos nomes ou nicknames que sejam iguais ao de outro jogador já cadastrado.
3.3.3. A qualquer momento, o jogador cadastrado poderá solicitar a alterar do seu nome ou nickname à Equipe da FBTF, a qual aprovará ou não a modificação solicitada.
3.3.4. Ao cadastrar-se no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), o jogador autoriza a Equipe da FBTF a utilizar todos os direitos disponíveis relativos a seu nome e seu nickname em todas as publicações e eventos relacionados à Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), incluindo, mas não se limitando a postagens, a notícias, a imagens, a vídeos, a gifs, animados ou não e a transmissão ao vivo (streaming).
3.3.5. Durante as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) que forem transmitidas ao vivo (streaming), os jogadores deverão utilizar, obrigatoriamente, o nome indicado em seus cadastros na FBTF.

Requisitos da imagem de perfil (avatar)
3.4. Não serão admitidas imagens de perfil (avatar) que contenham formas, desenhos, imagens, expressões ou conteúdo indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, pornográficas, explícitas, parcial ou integralmente, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
3.4.1. Também se incluem nas proibições do dispositivo anterior os links, os códigos de barra, os QR-codes e outros instrumentos de ancoragem virtual que façam referência ao conteúdo vedado.
3.4.2. Nos casos indicados neste dispositivo, sem prejuízo das punições cabíveis, poderá ser determinada, a qualquer momento, a alteração da imagem de perfil (avatar) do jogador.
3.4.3. Ao cadastrar-se no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), o jogador autoriza a Equipe da FBTF a utilizar todos os direitos disponíveis relativos a sua imagem de perfil (avatar) em todas as publicações e eventos relacionados à Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), incluindo, mas não se limitando a postagens, a notícias, a imagens, a vídeos, a gifs, animados ou não e a transmissão ao vivo (streaming).

Requisitos da descrição de perfil
3.5. Não serão admitidas descrições de perfil que contenham formas, desenhos, imagens, vídeos ou expressões indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, pornográficas, explícitas, parcial ou integralmente, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
3.5.1. Também se incluem nas proibições do dispositivo anterior os links, os códigos de barra, os QR-codes e outros instrumentos de ancoragem virtual que façam referência ao conteúdo vedado.
3.5.2. Nos casos indicados neste dispositivo, sem prejuízo das punições cabíveis, poderá ser determinada, a qualquer momento, a alteração da descrição do perfil do jogador.
3.5.3. Ao cadastrar-se no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), o jogador autoriza a Equipe da FBTF a utilizar todos os direitos disponíveis relativos a sua descrição de perfil em todas as publicações e eventos relacionados à Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), incluindo, mas não se limitando a postagens, a notícias, a imagens, a vídeos, a gifs, animados ou não e a transmissão ao vivo (streaming).

Pluralidade e compartilhamento de contas
3.6. Não é permitido ao jogador possuir cadastrada mais de uma conta da Steam, do Discord ou da FBTF, nem compartilhar as contas mencionadas.
3.6.1. Nos casos de duplicidade ou de pluralidade de contas, será mantida apenas a principal de cada jogador, sendo excluídas as demais, sem prejuízo das punições cabíveis e da anulação ou reversão de partidas.
3.6.2. Nos casos de compartilhamento de contas, será mantida apenas a conta principal dos jogadores e excluídas as demais, sem prejuízo das punições cabíveis e da anulação ou reversão de partidas.
3.6.3. A qualquer momento, a Equipe da FBTF poderá suspender o cadastro e a participação em competições das contas que apresentem indícios de compartilhamento ou de falsidade, até que seja comprovada a identidade por parte do interessado.

Identificação pessoal de jogadores
3.7. Se houver dúvida da Equipe da FBTF quanto à identidade real das pessoas, poderá o jogador ser sujeitado a processo de identificação por chamada de voz.
3.7.1. Durante a identificação, poderão ser elaboradas indagações ao jogador, para confirmar sua identidade.
3.7.2. Os sons obtidos durante o processo de identificação estarão resguardados por absoluto sigilo e ficarão arquivados apenas para fins de posterior confrontação, não podendo ser publicados em nenhuma hipótese.
3.7.3. À recusa do jogador a sujeitar-se a processo de identificar aplica-se a pena de confissão do fato contrário a seu interesse.

Alterações de conta da Steam
3.8. O jogador que desejar alterar a sua conta da Steam deverá formular pedido à Equipe da FBTF por intermédio do site oficial da Federação Brasileira de Team Fortress (https://fbtf.tf).
3.8.1. O jogador deverá comprovar os motivos para a alteração solicitada.
3.8.2. A Equipe da FBTF somente autorizará alterações de conta da Steam que sejam fundadas em motivos legítimos, devidamente comprovados, e que não prejudiquem a realização da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).

Inscrições de jogadores suspensos e banidos
3.9. Jogadores banidos pela Equipe da FBTF não poderão:
• 3.9.1. Cadastrar-se no site oficial da Federação Brasileira de Team Fortress (https://fbtf.tf) e participar do fórum;
• 3.9.2. Integrar nenhuma equipe cadastrada na Federação Brasileira de Team Fortress;
• 3.9.3. Participar de nenhuma partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), ainda que como mercenários ou com contas alternativas, fakes ou smurfs.
• 3.9.4. Receber qualquer premiação da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), incluindo medalhas.

3.10. Durante a vigência da punição, jogadores que tiverem sido suspensos pela Equipe da FBTF poderão cadastrar-se no site oficial da Federação Brasileira de Team Fortress 2 (https://fbtf.tf) e integrar equipe inscrita na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), mas não poderão participar de nenhuma partida da competição, ainda que como mercenários ou com contas alternativas, fakes ou smurfs.
3.10.1. Jogadores suspensos pela Equipe da FBTF poderão receber a premiação da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) a que fizer jus a equipe que integrarem, incluindo as medalhas.

3.11. Estar cadastrado no site oficial da Federação Brasileira de Team Fortress 2 (https://fbtf.tf) não é requisito para cumprir punição.

3.12. Não é autorizado o uso de conta da Steam alternativa, fake, smurf ou de terceiro com o fim de ilidir a aplicação de punição, sendo aplicáveis as regras 3.6. a 3.6.2. 

4. Formação das equipes

4.1. A formação das equipes que participarão da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) será realizada, exclusivamente, por intermédio do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).

4.2. Todos os jogadores regularmente cadastrados no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf) podem criar equipes.
4.2.1. Será considerado líder o jogador que criar a equipe.
4.2.2. Ao criar a sua equipe, o líder deverá informar:
• 4.2.2.1. Um nome para a equipe;
• 4.2.2.2. Uma imagem de logotipo (avatar) para a equipe;
• 4.2.2.3. Uma descrição para a equipe.
4.2.3. Cada equipe poderá definir quais serão os seus líderes.

Requisitos de nome das equipes
4.3. Não serão admitidos nomes de equipe que contiverem expressões indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, apologia ao uso de drogas, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
4.3.1. Nos casos indicados na regra 4.3, sem prejuízo das punições cabíveis, poderá ser determinada, a qualquer momento, a alteração do nome da equipe.
4.3.2. Não serão permitidos nomes de equipes que sejam iguais ou similares ao de outra equipe já cadastrada.
4.3.3. Sem prejuízo das punições cabíveis, poderá ser dissolvida a equipe que, depois de decorrido o prazo concedido, não adequar seu nome às exigências deste regulamento.
4.3.4. Ao inscrever-se na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), o líder autoriza a Equipe da FBTF a utilizar todos os direitos disponíveis relativos ao nome de sua Equipe em todas as publicações e eventos relacionados à Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), incluindo, mas não se limitando a postagens, a notícias, a imagens, a vídeos, a gifs, animados ou não e a transmissão ao vivo (streaming).
4.3.5. Durante as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) transmitidas ao vivo (streaming), a equipe deverá, obrigatoriamente, utilizar o nome constante do seu cadastro na FBTF.

Requisitos de logotipo das equipes
4.4. Não serão admitidas imagens de logotipo (avatar) que contenham formas, desenhos, imagens, expressões ou conteúdo indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, pornográficas, explícitas, parcial ou integralmente, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
4.4.1. Também se incluem nas proibições do dispositivo anterior os links, os códigos de barra, os QR-codes e outros instrumentos de ancoragem virtual que façam referência ao conteúdo vedado.
4.4.2. Não serão permitidas equipes que não possuam imagem de logotipo (avatar) ou que possuam imagem de logotipo (avatar) igual ou similar à de outra equipe já cadastrada.
4.4.3. Nos casos indicados neste dispositivo, sem prejuízo das punições cabíveis, poderá ser determinada, a qualquer momento, a alteração da imagem de logotipo (avatar) da equipe.
4.4.4. Sem prejuízo das punições cabíveis, poderá ser dissolvida a equipe que, depois de decorrido o prazo concedido, não adequar sua imagem de logotipo (avatar) às exigências deste regulamento.
4.4.5. Ao inscrever-se na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), o líder autoriza a Equipe da FBTF a utilizar todos os direitos disponíveis relativos ao logotipo de sua Equipe em todas as publicações e eventos relacionados à Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), incluindo, mas não se limitando a postagens, a notícias, a imagens, a vídeos, a gifs, animados ou não e a transmissão ao vivo (streaming).

Requisitos da descrição das equipes
4.5. Não serão admitidas descrições de equipe que contenham formas, desenhos, imagens, vídeos ou expressões indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, pornográficas, explícitas, parcial ou integralmente, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
4.5.1. Também se incluem nas proibições do dispositivo anterior os links, os códigos de barra, os QR-codes e outros instrumentos de ancoragem virtual que façam referência ao conteúdo vedado.
4.5.2. Nos casos indicados neste dispositivo, sem prejuízo das punições cabíveis, poderá ser determinada, a qualquer momento, a alteração da descrição da equipe.
4.5.3. Sem prejuízo das punições cabíveis, poderá ser dissolvida a equipe que, depois de decorrido o prazo concedido, não adequar sua descrição às exigências deste regulamento.
4.5.4. Ao inscrever-se na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), o líder autoriza a Equipe da FBTF a utilizar todos os direitos disponíveis relativos à descrição de sua Equipe em todas as publicações e eventos relacionados à Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), incluindo, mas não se limitando a postagens, a notícias, a imagens, a vídeos, a gifs, animados ou não e a transmissão ao vivo (streaming).

Funções dos líderes das equipes
4.6. O líder é o jogador responsável por organizar, por chefiar e por representar publicamente a sua equipe, tomando as decisões que julgar adequadas quanto:
• 4.6.1. À escolha do nome, do logotipo e da descrição da equipe, respeitadas as regras deste regulamento;
• 4.6.2. À alteração da composição da equipe (roster), seja removendo, seja acrescentando jogadores, respeitadas as regras deste regulamento;
• 4.6.3. À definição da escalação da equipe para cada partida;
• 4.6.4. À negociação de datas, de horários e de servidores para a realização de partidas, respeitadas as regras deste regulamento;
• 4.6.5. À solicitação de demos de jogadores das equipes adversárias, na forma deste regulamento;
• 4.6.6. À apresentação dos resultados das partidas, nos limites deste regulamento;
• 4.6.7. À inscrição ou remoção da equipe de competições;
• 4.6.8. A quaisquer outros assuntos que exijam a manifestação da equipe.
4.6.9. Em caso de divergência entre os integrantes da equipe, prevalecerá a opção do líder. Em caso de divergência entre líderes, prevalecerá a opção do líder que tiver ingressado na equipe em primeiro lugar.

Obrigações dos líderes das equipes
4.7. O líder deverá ser um jogador ativo, cumprir todas determinações da Equipe da FBTF, respeitar todos os prazos previstos neste regulamento e verificar a regularidade do cadastro de todos os jogadores que integrarem a sua equipe.
4.7.1. O líder será responsável por todos os fatos que ocorrerem durante o período de sua liderança.
• 4.7.1.1. A alteração da liderança da equipe não impede a aplicação de punições ao antigo líder por irregularidades acontecidas durante o seu período de liderança.
4.7.2. Se a aplicação de punição ocasionar a impossibilidade de o líder continuar a exercer a liderança da sua equipe, os demais integrantes deverão indicar novo líder para a equipe no prazo estabelecido pela Equipe da FBTF.
• 4.7.2.1. Sem prejuízo das punições cabíveis, no caso da regra 4.7.2., poderá ser dissolvida a equipe que, depois de decorrido o prazo concedido, não escolher um novo líder, sendo aplicáveis as punições das regras 4.12.1. a 4.12.4.

Inclusão e exclusão de jogadores
4.8.1. As alterações nas composições das equipes serão realizadas, exclusivamente, por intermédio do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
4.8.2. A inclusão de jogador na equipe será realizada mediante autorização do líder e confirmação do jogador adicionado.
4.8.3. A exclusão de jogador da equipe será realizada por decisão do líder, ainda que o jogador excluído manifeste a sua discordância.
4.8.4. Antes da inscrição na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), não há limite para a quantidade de alterações da composição da equipe realizadas pelo líder.

Saída de jogadores das equipes
4.9. A qualquer momento, mesmo durante a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), o jogador poderá sair de sua equipe.
4.9.1. O jogador que sair da sua equipe não fará jus à premiação por ela recebida e, caso sua saída deixe a equipe com 5 (cinco) jogadores ou menos, poderá ser punido na forma das regras 4.12.2. a 4.12.4.

Transferência da liderança das equipes
4.10. A qualquer momento, o líder poderá transferir a liderança da equipe para outro jogador que dela participe, independente da aceitação deste.
• 4.10.1. A transferência da liderança não depende da aceitação dos demais integrantes da equipe.
• 4.10.2. A alteração de liderança não impede a aplicação de punições ao antigo líder por irregularidades acontecidas durante o período de sua chefia.

Substituição dos líderes das equipes
4.11. O líder deverá ser um jogador ativo na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
4.11.1. Em caso de inatividade do líder, os demais integrantes da equipe poderão solicitar a sua substituição à Equipe da FBTF.
4.11.2. No caso de inatividade previsto na regra 4.11.1, também a Equipe da FBTF poderá determinar, de ofício, a substituição do líder inativo.
4.11.3. Em caso de insatisfação, os demais jogadores da equipe, por unanimidade, poderão solicitar à Equipe da FBTF a alteração da liderança, independentemente do consentimento do líder.
• 4.11.4. No caso da regra 4.11.3., cabe aos jogadores solicitantes comprovar a unanimidade por quaisquer meios disponíveis.
• 4.11.5. No caso da regra 4.11.3., o líder será destituído da sua função, mas não excluído da equipe, a qual ficará sob nova liderança, a qual será indicada pela maioria dos demais jogadores que integram a equipe.

Dissolução das equipes
4.12. A qualquer momento, o líder poderá dissolver a sua equipe.
• 4.12.1. Sem prejuízo da aplicação de punições, sofrerão derrotas por forfeit (W.O.) em todas as partidas as equipes que forem dissolvidas durante a realização da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
• 4.12.2. Caso a dissolução ocorra antes do término do período de inscrição da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), não haverá punição para os integrantes da equipe.
• 4.12.3. Caso a dissolução ocorra durante as fases classificatória ou de desempate da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), nenhum dos jogadores integrantes da equipe dissolvida receberá a premiação da competição, incluindo as medalhas.
• 4.12.4. Caso a dissolução ocorra durante a fase eliminatória da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), todos os jogadores integrantes da equipe dissolvida ficarão suspensos por 3 (três) rodadas na próxima temporada da LBTF2, além de não receber qualquer premiação da competição, incluindo as medalhas.

4.13. A qualquer momento, a Equipe da FBTF poderá dissolver as equipes que descumpram os requisitos deste regulamento.
• 4.13.1. Sem prejuízo da aplicação de punições, sofrerão derrotas por forfeit (W.O.) em todas as partidas as equipes que forem dissolvidas durante a realização da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
• 4.13.2. Nas hipóteses trazidas na regra 4.13., serão aplicáveis as mesmas punições previstas nas regras 4.12.2. a 4.12.4.

5. Inscrição das equipes na LBTF2

5.1. A inscrição das equipes na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) será realizada, exclusivamente, por solicitação do líder no formulário adequado do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
5.1.1. Ao inscrever a sua equipe, o líder deverá indicar:
• 5.1.1.1. O nome da sua equipe;
• 5.1.1.2. Uma breve descrição de sua equipe;
• 5.1.1.3. A divisão de preferência;
• 5.1.1.4. Os jogadores da sua equipe que participarão.
5.1.2. À descrição prevista na regra 5.1.1.2. se aplicam as mesmas disposições da regra 4.5.
5.1.3. A divisão indicada pelo líder (regra 5.1.1.3.) constitui apenas uma preferência não vinculante, podendo ser alterada pela Equipe da FBTF no interesse da realização da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
5.1.4. Não é permitido que um jogador seja, ao mesmo tempo, líder de mais de uma equipe inscrita na mesma Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).

Prazo de inscrições e limites de jogadores das equipes
5.2. As inscrições somente poderão ser realizadas durante o período indicado pelo calendário e desde que respeitados os limites mínimo de 6 (seis) e máximo de 12 (doze) jogadores em cada equipe.

5.3. Após o término do período indicado pelo regulamento da competição, não serão admitidas as inscrições de novas equipes.
5.3.1. Não é permitido que um jogador integre, ao mesmo tempo, mais que uma equipe durante a mesma Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
• 5.3.1.1. Após o término do período de inscrições, as inclusões de jogadores nas equipes deverão respeitar as limitações de fidelidade das regra 5.5. e seguintes.
5.3.2. Encerrado o período de inscrições, caso alguma equipe inscrita não possua o mínimo exigido de jogadores, o líder terá o prazo de 3 (três) dias para cadastrar novos jogadores em quantidade suficiente para atingir o limite previsto por este regulamento.
• 5.3.2.1. Desde que antes da primeira rodada da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), a Equipe da FBTF poderá alterar a divisão da equipe mencionada na regra 5.1.3., caso os novos jogadores cadastrados tenham habilidade incompatível com o nível da divisão a que pertencer a equipe.
5.3.3. Esgotado o prazo indicado na regra 5.3.2., será excluída da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) a equipe que não atender ao limite mínimo de 6 (seis) jogadores.
• 5.3.3.1. No caso da regra 5.3.3., serão aplicadas as punições das regras 4.12.2. a 4.12.4.
5.3.4. Durante toda a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), não será permitido que qualquer equipe possua mais de 12 (doze) jogadores.
• 5.3.4.1. Se alguma equipe possuir mais jogadores do que 12 (doze) jogadores, o líder deverá excluir a quantidade excedente no prazo estipulado pela Equipe da FBTF.
• 5.3.4.2. Será excluída da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) a equipe que, encerrado prazo indicado na regra 5.3.4.1., não atender ao limite máximo de jogadores.

Alteração de jogadores na equipes durante a LBTF2
5.4. Depois de encerrado o período de inscrição da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), todas as alterações de composição das equipes inscritas serão feitas, exclusivamente, pelo site oficial da FBTF (https://fbtf.tf) e dependerão de autorização da Equipe da FBTF.
5.4.1. Não será autorizada qualquer alteração de composição das equipes que possa gerar desbalanceamento na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), atentando-se, especialmente, às seguintes regras:
• 5.4.1.1. Nenhum jogador com nível de habilidade equivalente ao de divisão superior poderá integrar equipe de divisão inferior;
• 5.4.1.2. Jogadores com nível de habilidade equivalente ao de divisão inferior poderão integrar equipe de divisão superior;
• 5.4.1.3. Cabe, exclusivamente, à Equipe da FBTF a avaliação do nível de habilidade dos jogadores, atendido ao indicado na regra 6.2;
• 5.4.1.4. O prazo para a autorização da Equipe da FBTF é de 72 (setenta e duas) horas do momento em que solicitada a alteração;
• 5.4.1.5. Até a autorização da Equipe da FBTF, os interessados poderão desistir da alteração pretendida;
• 5.4.1.6. Não serão autorizadas alterações que ultrapassem os limites ou as regras de fidelidade previstas neste regulamento.

Inclusão de jogadores durante a LBTF2, cooldown e fidelidade
5.4.2. A inclusão de jogador em equipe inscrita na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) será realizada mediante autorização do líder e confirmação do jogador adicionado, desde que respeitado o limite máximo de 12 (doze) jogadores e que haja autorização da Equipe da FBTF.
• 5.4.2.1. Caso a equipe contenha 12 (doze) integrantes, o líder deverá providenciar a exclusão de um jogador, antes de proceder à inclusão de um novo.
• 5.4.2.2. O jogador que for incluído pelo líder da sua equipe se sujeitará às limitações de fidelidade das regras 5.5 a 5.5.3.
• 5.4.2.3. O jogador adicionado somente poderá participar das partidas da equipe depois de 24 (vinte e quatro) horas;
• 5.4.2.4. Somente é permitida a inclusão de 2 (dois) novos jogadores por rodada;
5.4.2.5. O calendário da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) poderá estipular data-limite, a partir da qual não serão admitidas as inclusões de novos jogadores nas equipes inscritas.

Exclusão de jogadores durante a LBTF2
5.4.3. A exclusão de jogador da equipe será realizada por decisão do líder, ainda que o jogador excluído manifeste a sua discordância, desde que respeitado o limite mínimo de 6 (seis) jogadores e que haja autorização da Equipe da FBTF.
• 5.4.3.1. Caso a equipe contenha apenas 6 (seis) integrantes, o líder deverá providenciar a inclusão de outro jogador da equipe, antes de proceder à exclusão pretendida.
• 5.4.3.2. O jogador que for expulso pelo líder da sua equipe se sujeitará às limitações de fidelidade das regras 5.5 a 5.5.3.
• 5.4.3.3. Não há limite para a exclusão de jogadores promovidas pelos líderes das equipes inscritas na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), desde que respeitado o limite mínimo de 6 (seis) jogadores e as demais exigências deste regulamento.

Retirada de jogadores durante a LBTF2 e punições
5.5. A qualquer momento, o jogador poderá sair de sua equipe, ainda que depois da data-limite fixada pelo calendário para a inclusão de novos jogadores (regra 5.4.2.5.), se houver.
• 5.5.1. Antes do término do período de inscrições da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), não há limites para o número de vezes que um jogador pode sair ou ingressar em equipes.
• 5.5.2. Depois de encerrado o período de inscrições da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), o jogador que sair de equipe inscrita na competição somente poderá ingressar em outra equipe inscrita na competição por, no máximo, 2 (duas) vezes, respeitada a data-limite fixada pelo calendário para a inclusão de novos jogadores (regra 5.4.2.5.), se houver.
• 5.5.3. O jogador que não integrar nenhuma equipe após o término do período de inscrições e entrar em uma equipe durante a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), somente poderá trocar para outra equipe uma única vez, respeitada a data-limite fixada pelo calendário para a inclusão de novos jogadores (regra 5.4.2.5.), se houver.
5.5.4. Caso a saída de jogador, realizada durante a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), resulte no desrespeito do limite mínimo de jogadores da competição, o líder terá o prazo de 3 (três) dias para cadastrar novo jogador em sua equipe.
• 5.5.4.1. No caso da regra 5.5.4., o novo jogador cadastrado deverá ter habilidade igual ou inferior ao nível da divisão a que pertencer a equipe, podendo ser rejeitado pela Equipe da FBTF de acordo com as regras 5.4.1.1 a 5.4.1.3.
• 5.5.4.2. No caso da regra 5.5.4., o líder poderá incluir jogador novo, ainda que ultrapassado o limite semanal máximo de inclusão de 2 (dois) jogadores, indicado na regra 5.4.2.4.
• 5.5.4.3. Esgotado o prazo indicado no item 5.5.4., será excluída da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) a equipe que não atender ao limite mínimo de jogadores previsto no regulamento, sendo aplicadas as punições das regras 4.12.3. e 4.12.4.
5.5.5. O jogador que sair da sua equipe na forma de regra 5.5.4. não fará jus à premiação por ela recebida e, se a sua saída deixar a equipe com 5 (cinco) ou menos jogadores, será punido na forma regras 4.12.3. e 4.12.4.

Jogadores autorizados a participar das partidas
5.6. Além dos mercenários, somente poderão participar das partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) os jogadores que integrem, regularmente, uma das equipes da partida e que não estejam impedidos de jogar em razão de punição.
• 5.6.1. Jogadores banidos se sujeitarão às regras 3.9. a 3.9.3.
• 5.6.2. Jogadores suspensos se sujeitarão à regra 3.10.
• 5.6.3. Cabe, exclusivamente, ao líder definir a escalação de sua equipe para cada mapa, optando ou não pelo uso de 1 (um) mercenário.

Mercenários
5.7. Antes ou durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), o líder de equipe poderá convocar mercenário para substituir 1 (um) jogador do seu roster, atendidos os requisitos desta regra:
• 5.7.1. Antes de ingressarem na partida, todos os mercenários deverão ser anunciados, por qualquer meio comprovado, para o líder da equipe adversária;
• 5.7.2. O anúncio deve conter, obrigatoriamente, o nome do mercenário, a sua Steam ID 64 e o seu perfil da FBTF;
• 5.7.3. É obrigação do líder interessado fazer prova por prints, por demos ou por qualquer outro meio, do anúncio do mercenário;
5.7.4. Cada equipe somente poderá utilizar 1 (um) mercenário por mapa.
• 5.7.4.1. Poderá ser utilizado mercenário, ainda que exista jogador que integre a equipe apto a jogar a partida.
5.7.5. O mercenário deve ser jogador cadastrado no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf) e não pode estar suspenso ou banido, nem utilizar conta da Steam falsa, de terceiro ou compartilhada.
• 5.7.5.1. O mercenário não faz jus à premiação recebida pela equipe para a qual jogar nem receberá medalha da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
5.7.6. Não poderá ser mercenário jogador que integre a equipe adversária naquela partida.
5.7.7. Mercenários podem ser utilizados em todas as divisões, desde que respeitados os limites deste regulamento.
5.7.8. O líder da equipe adversária poderá aceitar o mercenário ou recusá-lo, não se exigindo motivo para a recusa.
• 5.7.8.1. A aceitação do mercenário deve ser sempre expressa. Do silêncio do líder da equipe adversária presume-se a recusa do mercenário.
• 5.7.8.2. É obrigação do líder que anunciou o mercenário fazer prova por prints, por demos ou por qualquer outro meio, da aceitação.
5.7.9. No momento do envio do resultado, o líder da equipe que anunciou o mercenário deverá provar, na página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), o anúncio e a aceitação, sob pena de reversão ou de anulação da partida.
5.7.10. A equipe que utilizar o mercenário é responsável por todos os atos deste durante a partida, podendo receber as punições previstas neste regulamento.
• 5.7.10.1. Além das punições da equipe mencionadas na regra 5.7.10., também será punido o mercenário pelas infrações que cometer.
5.7.11. É responsabilidade do líder anunciante confirmar a regularidade cadastral do mercenário, não podendo alegar desconhecimento quanto a qualquer circunstância que impeça o mercenário de jogar.
5.7.12. Sem prejuízo das demais punições cabíveis, a Equipe da FBTF poderá reverter ou anular partidas, caso constatado que:
• 5.7.12.1. O mercenário utilizado não estava cadastrado no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf) ou estava suspenso ou banido;
• 5.7.12.2. O mercenário utilizou conta da Steam falsa, de terceiro ou compartilhada;
• 5.7.12.3. Não houve o adequado anúncio e a necessária aceitação do mercenário ou essas informações não foram postadas corretamente na página da partida no site oficial da (https://fbtf.tf) pelo líder da equipe anunciante;
• 5.7.12.4. O mercenário cometeu infração durante a partida.

Retirada das equipes da LBTF2
5.8. A qualquer momento, o líder poderá retirar a sua equipe da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
5.8.1. Sem prejuízo da aplicação de punições, sofrerão derrotas por forfeit (W.O.) em todas as partidas as equipes que forem retiradas por decisão dos líderes durante a realização de competição organizada pela FBTF.
5.8.2. Nos casos das regras 5.8. e 5.8.1., serão aplicadas as punições contidas nas regras 4.12.2. a 4.12.4.

Expulsão das equipes da LBTF2
5.9. A qualquer momento, a Equipe da FBTF poderá expulsar da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) as equipes que descumpram os requisitos deste regulamento.
5.9.1. Sem prejuízo da aplicação de punições, sofrerão derrotas por forfeit (W.O.) em todas as partidas as equipes que forem expulsas pela Equipe da FBTF.
5.9.2. Serão automaticamente expulsas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) as equipes que sofrerem duas derrotas consecutivas por forfeit (W.O.).
5.9.3. Nos casos das regras 5.9. a 5.9.2., serão aplicadas as punições contidas nas regras 4.12.2. a 4.12.4.

Expulsão dos jogadores da LBTF2
5.10. Ao aplicar a punição de banimento, a Equipe da FBTF estipulará a amplitude da reprimenda, podendo expulsar o infrator da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
• 5.10.1. Jogadores banidos que estiverem impedidos de participar da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) se sujeitarão às regras 3.9. a 3.9.3.

5.10.2. Os jogadores punidos com advertência ou com suspensão ainda poderão participar da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), desde que respeitada a duração das reprimendas.
• 5.10.2.1. Jogadores suspensos se sujeitarão à regra 3.10.

5.10.3. A punição de advertência não impede que o infrator continue a participar da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).

6. Formato da LBTF2

Divisões da LBTF2
6.1. A Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), na modalidade 6v6, terá até quatro divisões, desde que haja equipes e jogadores suficientes:
• 6.1.1. Divisão 1: Elite;
• 6.1.2. Divisão 2: Central;
• 6.1.3. Divisão 3: Acesso;
• 6.1.4. Divisão 4: Aberta.

6.2. A escolha de quais equipes comporão cada divisão compete, exclusivamente, à Equipe da FBTF, devendo ser pautada pelos seguintes critérios:
• 6.2.1. Avaliação do grau de habilidade e de experiência dos jogadores;
• 6.2.2. Exame dos resultados de torneios e de competições anteriores;
• 6.2.3. Competitividade e igualdade de oportunidades das equipes que integrarem a mesma divisão, não devendo haver nenhuma equipe que seja substancialmente mais forte ou mais fraca que as demais.

6.3. Considerando a quantidade de equipes e de jogadores inscritos, a Equipe da FBTF poderá mesclar ou redistribuir as divisões indicadas na regra 6.1. da seguinte forma, integral ou parcialmente:
● 6.3.1. Divisão 1: Principal (Central e Elite), com, no mínimo, 1 (um) grupo;
● 6.3.2. Divisão 2: Acesso (Acesso e Aberta), com, no mínimo, 1 (um) grupo.

Fases da LBTF2
6.4. A Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) será dividida em até 3 (três) fases:
• 6.4.1. Fase classificatória;
• 6.4.2. Possível fase de desempate;
• 6.4.3. Fase eliminatória (Playoffs).

Regras gerais da fase classificatória
6.5. A primeira fase da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) é a classificatória (regra 6.4.1), na qual as equipes inscritas disputarão 1 (uma) partida contra cada equipe adversária da mesma divisão (Round Robin), disputando as vagas existentes para a fase eliminatória.
6.5.1. Nenhuma equipe jogará mais de uma vez contra qualquer equipe adversária.
6.5.2. A ordem, o dia e o horário das partidas entre equipes das mesmas divisões serão definidos por sorteio eletrônico realizado pelo site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
6.5.3. Cada partida mencionada na regra 6.5 será composta de 2 (dois) mapas.
• 6.5.3.1. Deverá haver um vencedor em cada mapa, conforme as regras estipuladas para o formato das partidas. Se houver empate no mapa, as equipes deverão disputar um round de Golden Cap, para que apenas uma se sagre vitoriosa.

Pontuação da fase classificatória
6.5.4. A pontuação da fase classificatória será computada da seguinte forma por mapa:
● 6.5.4.1. Vitória: 5 (cinco) pontos;
● 6.5.4.2. Derrota: 3 (três) pontos;
● 6.5.4.3. Vitória por forfeit (W.O.): 5 (cinco) pontos;
● 6.5.4.4. Derrota por forfeit (W.O.): 0 (zero) pontos;
● 6.5.4.5. Vitória por reversão: 5 (cinco) pontos;
● 6.5.4.6. Derrota por reversão: 3 (três) pontos.

Vagas para a fase eliminatória
6.5.5. As vagas para a fase eliminatória mencionadas na regra 6.5. serão fixadas pela Equipe da FBTF no momento da divulgação das divisões, de acordo com a quantidade de equipes inscritas.
• 6.5.5.1. Caso ocorra circunstância ou evento que altere a quantidade de equipes inscritas na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), a Equipe da FBTF poderá alterar a quantidade de vagas disponíveis para a fase eliminatória.
6.5.6. Se for adotada a mesclagem de divisões mencionada na regra 6.3., as vagas na fase eliminatória serão determinadas da seguinte forma:
● 6.5.6.1. Na Divisão 1: Principal, com até 6 (seis) equipes no grupo: as 3 (três) primeiras disputarão a fase eliminatória (playoffs) da Elite, sendo que a primeira colocada já estará na final, enquanto a segunda e a terceira disputarão semi-final. As outras 3 (três) equipes disputarão a fase eliminatória (playoffs) da Central, sendo que a quarta colocada já estará na final, enquanto a quinta e a sexta disputarão semifinal;
● 6.5.6.2. Na Divisão 2: Acesso, com até 6 (seis) equipes no grupo: as 3 (três) primeiras disputarão a fase eliminatória (playoffs) da Acesso, sendo que a primeira colocada já estará na final, enquanto a segunda e a terceira disputarão semi-final. As outras 3 (três) equipes disputarão a fase eliminatória (playoffs) da Aberta, sendo que a quarta colocada já estará na final, enquanto a quinta e a sexta disputarão semifinal;

Critérios de desempate da fase classificatória
6.5.7. Durante a fase classificatória, serão utilizados os seguintes critérios de desempate, em ordem:
● 6.5.7.1. O resultado do confronto direto (Direct Encounter); a maior média de Buchholz (Median Buchholz); o maior número de rounds vencidos (round score sum); o maior número de mapas vencidos.

Final da fase classificatória
6.5.8. A classificação final das equipes na fase classificatória decorrerá da ordem decrescente de pontos obtidos durante todas as rodadas da fase classificatória, respeitadas as regras desempate.
6.5.9. Ao final da fase classificatória, serão desclassificadas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) as equipes que não obtiverem pontuação suficiente para obter vaga na próxima fase.

Possível fase de desempate
6.6. Depois de aplicados os critérios de desempate previstos na regra 6.5.7., caso persista o empate entre equipes, será disputada entre elas 1 (uma) partida no formato melhor de 3 (três) mapas (MD3).
6.6.1. Será realizado sorteio para definir qual equipe começará a escolha dos mapas, na forma desta regra.
• 6.6.1.1. Realizado o sorteio indicado na regra 6.6.1., a equipe que ganhar escolherá, livremente, o primeiro mapa da partida.
• 6.6.1.2. A equipe que perder o sorteio escolherá o segundo mapa da partida, desde que seja diferente do mapa escolhido na regra 6.6.1.1.
• 6.6.1.3. O terceiro mapa da partida será definido da seguinte forma:
o 6.6.1.3.1. Excluídos os mapas escolhidos nas regras 6.6.1.1. e 6.6.1.2., cada equipe vetará, alternadamente, um mapa da map pool, até que sobre apenas um, começando pela equipe que perdeu o sorteio.
o 6.6.1.3.2. O terceiro mapa da partida será o que sobrar após os vetos alternados das equipes.
• 6.6.1.4. Todo o processo de escolha de mapas será realizado, exclusivamente, por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
6.6.2. Será desclassificada da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) a equipe que perder a partida de desempate.

Fase eliminatória (playoffs)
6.7. A fase eliminatória (playoffs) será disputada, no formato de eliminação simples (single elimination), pelas equipes classificadas nas fases anteriores.
• 6.7.1. As partidas da fase eliminatória (playoffs) serão realizadas no formato melhor de 3 (três) mapas, exceto no caso da final, que será no formato melhor de 5 (cinco) mapas.
• 6.7.2. Os mapas das partidas serão definidos pelos líderes da equipe no sistema de escolha e banimento (pick and ban), de acordo com o que for estipulado pela Equipe da FBTF.
6.8. A equipe da FBTF definirá, no momento da divulgação das divisões, o formato adotado por cada divisão na fase eliminatória (playoffs), considerando o número de vagas existentes.
6.9. Se houver a mesclagem de divisões indicadas nas regras 6.3. e 6.5.6, a fase eliminatória (playoffs) seguirá o que foi definido nas regras 6.5.6.1. e 6.5.6.2.
6.10. As regras estipuladas para a fase eliminatória serão elaboradas de forma a respeitar a igualdade de oportunidade entre as equipes, não se favorecendo ou prejudicando qualquer uma delas, exceto em razão de seu desempenho na fase anterior.

Rodadas da LBTF2
6.11. Todas as rodadas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) começarão nas quartas-feiras de cada semana, às 20h00, e se encerrarão nas terças-feiras da semana seguinte, às 23h59.
6.11.1. A Equipe da FBTF divulgará, com antecedência, no site oficial da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), as partidas que serão realizadas em cada rodada.
6.11.1.2. Em caso de alteração do calendário ou do formato da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), poderão ser modificadas as rodadas, na forma determinada pela Equipe da FBTF.

6.11.2. Durante cada rodada, os líderes das equipes deverão:
• 6.11.2.1. Negociar os horários para a realização da partida, caso não prefiram jogar no horário-padrão;
• 6.11.2.2. Providenciar os servidores para a realização da partida, nos termos deste regulamento;
• 6.11.2.3. Anunciar, aceitar ou rejeitar os mercenários, se os houver;
• 6.11.2.4. Realizar os procedimentos de escolha e de banimento de mapas (pick and ban), se os houver;
• 6.11.2.5. Formular à Equipe da FBTF todos os pedidos cabíveis em relação às partidas jogadas naquela rodada ou a irregularidades nela constatadas;
• 6.11.2.6. Solicitar demos de até 2 (dois) jogadores da equipe adversaria;
• 6.11.2.7. Enviar e confirmar os resultados das partidas realizadas.
6.11.3. Ressalvados os casos expressamente previstos neste regulamento, as condutas listadas nas regras 6.11.2.1. a 6.11.2.6. deverão ser realizadas, obrigatoriamente, por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
• 6.11.3.1. Se não utilizarem a página da partida no site oficial da FBTF, os líderes de equipes deverão nela postar prints de todas as comunicações relevantes.
• 6.11.3.2. Em caso de impasse entre os líderes, não serão aceitas quaisquer comunicações que não constem da página da partida no site oficial da FBTF.

6.11.4. Encerrada a rodada, estará preclusa a possibilidade de os líderes das equipes enviarem os resultados das partidas ou formularem quaisquer pedidos à Equipe da FBTF no que se refere às partidas.
• 6.11.4.1. Os pedidos formulados até o encerramento da rodada serão obrigatoriamente processados e respondidos pela Equipe da FBTF.
• 6.11.4.2. Os pedidos formulados depois do encerramento da rodada somente serão processados e respondidos se a Equipe da FBTF os considerar de grande relevância para a realização da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
• 6.11.4.3. Caso o pedido formulado depois do término da rodada não seja considerado pela Equipe da FBTF de grande relevância para a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), não serão revertidas ou anuladas partidas, ainda que tenham ocorrido irregularidades ou infrações.
6.11.5. Caso não tenha sido enviado ou confirmado o resultado da partida até o encerramento da rodada, a Equipe da FBTF cobrará dos líderes envolvidos, os quais poderão ser punidos nos termos deste regulamento.
• 6.11.5.1. Em caso de culpa grave ou de má-fé, a Equipe da FBTF poderá determinar a derrota por forfeit (W.O.) da equipe cujo líder não enviou ou confirmou o resultado.

Horário padrão e agendamento das partidas
6.12. A data e o horário padrão para a realização de partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) serão:
• 6.12.1. Na sexta-feira da rodada, às 19h00, para a Divisão 4: Aberta;
• 6.12.2. No sábado da rodada, às 21h00, para a Divisão 2: Central;
• 6.12.3. No domingo da rodada, às 20h00, para a Divisão 3: Acesso;
• 6.12.4. No domingo da rodada, às 21h00, para a Divisão 1: Elite.
6.12.5. Nas instruções da página de cada partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), a Equipe da FBTF divulgará o horário padrão para a realização da partida, caso não haja acordo entre os líderes das equipes.
6.12.6. Os líderes das equipes poderão negociar o dia e/ou o horário para a realização da partida, desde que respeitados os limites da rodada, utilizando, obrigatoriamente, a página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
• 6.12.6.1. Se não utilizarem a página da partida no site oficial da FBTF, os líderes de equipes deverão nela postar prints de todas as comunicações relevantes.
• 6.12.6.2. Em caso de impasse entre os líderes, não serão aceitas quaisquer comunicações que não constem da página da partida no site oficial da FBTF.
6.12.7. Durante a negociação, a proposta de dia e/ou de horário feita pelo líder de uma equipe não obriga a aceitação pelo líder adversário.
• 6.12.7.1. A proposta pode ser retratada antes da aceitação pelo líder da equipe adversária.
• 6.12.7.2. Depois de manifestada a aceitação pelo líder da equipe adversária, a proposta é irretratável.
6.12.8. Também é irretratável a aceitação realizada pelo líder quanto ao dia e/ou horário para a partida.
6.12.9. Caso haja acordo dos líderes quanto às propostas de dia e/ou horário, os jogadores das equipes deverão comparecer no dia e/ou no horário acordado, para realizar a partida. Se não houver concordância entre os líderes, os jogadores deverão comparecer no horário padrão, para realizar a partida.
6.12.10. O acordo realizado quanto ao dia e/ou horário da partida somente poderá ser desfeito mediante concordância expressa de ambos os líderes.
• 6.12.10.1. Do silêncio do líder presume-se a discordância com a alteração do acordo celebrado.
6.12.11. O acordo realizado para o agendamento do dia e/ou horário das partidas não altera a responsabilidade pelo fornecimento do servidor, a qual é definida pelas regras 6.13. e seguintes deste regulamento.

Fornecimento de servidores para as partidas
6.13. Em cada rodada, o líder da equipe de casa (Home Team) deverá providenciar, para a realização da partida, servidor de Team Fortress 2 que atenda a todos os requisitos deste regulamento, especialmente no que se refere ao formato das partidas.
6.13.1. Sofrerá derrota por forfeit (W.O.) a equipe de casa (Home Team) cujo líder não fornecer ao líder da equipe adversária um servidor com antecedência mínima de 20 (vinte) minutos para o horário marcado para a partida.
• 6.13.1.1. A comunicação indicada no regra 6.13.1. deverá ser feita pelo chat da Steam ou do Discord para o líder da equipe adversária, trazendo, obrigatoriamente, o endereço de IP e a senha do servidor.
• 6.13.1.2. Não valerá a comunicação enviada por outro sistema que não o chat da Steam ou do Discord ou encaminhada a jogador da equipe adversária que não seja o seu líder.
• 6.13.1.3. O líder da equipe de casa (Home Team) somente terá cumprido a sua obrigação no momento em que encaminhar a comunicação para o líder da equipe fora de casa (Away Team), pouco importando se estava online ou não na oportunidade ou se leu ou não a mensagem.
• 6.13.1.4. Cabe ao líder da equipe de casa (Home Team) fazer prova, por qualquer meio, da comunicação mencionada no regra 6.13.1. e do horário de seu envio ao líder adversário.
• 6.13.1.5. O líder da equipe de casa (Home Team) deverá postar a prova da comunicação na página da partida no site oficial da FBTF.
• 6.13.1.6. Em caso de impasse entre os líderes, não serão aceitas quaisquer provas da comunicação que não constem da página da partida no site oficial da FBTF.
6.13.2. O líder da equipe fora de casa (Away Team) não poderá recusar o servidor providenciado pela equipe de casa (Home Team), exceto se:
• 6.13.2.1. O servidor não atender aos requisitos deste regulamento; ou
• 6.13.2.2. Houver 2 (dois) ou mais jogadores da equipe fora de casa (Away Team) que tenham, constante e comprovadamente, ping superior a 100 (cem) milissegundos no servidor; ou
o 6.13.2.2.1. Não autorizam a recusa do servidor as alterações momentâneas de latência, de ping, de choke ou de loss, causadas pelo serviço de internet do jogador ou por outras formas de limitação técnica ou informática a ele imputáveis.
• 6.13.2.3. Houver, pelo menos, 1 (um) jogador da equipe fora de casa (Away Team) que não se puder conectar ao servidor em razão, exclusivamente, de falha ou de configuração deste; ou
• 6.13.2.4. Houver disponível, no momento da partida, outro servidor de Team Fortress 2 para o qual os jogadores tenham menor latência ou ping ou que se mostre mais favorável para realização da partida.
6.13.3. A recusa mencionada nas regras 6.13.2. a 6.13.2.4. somente poderá ser feita até o horário designado para início da partida.
• 6.13.3.1. A recusa do servidor deverá ser feita pelo chat da Steam ou do Discord para o líder da equipe de casa (Home Team), trazendo, obrigatoriamente, o motivo.
• 6.13.3.2. Cabe ao líder da equipe fora de casa (Away Team) fazer prova, por qualquer meio, da recusa e do horário de seu envio ao líder adversário.
• 6.13.3.3. O líder da equipe fora de casa (Away Team) deverá postar a prova da recusa na página da partida no site oficial da FBTF.
• 6.13.3.4. Em caso de impasse entre os líderes, não serão aceitas quaisquer provas da recusa que não constem da página da partida no site oficial da FBTF.
6.13.4. Caso não seja apresentada a recusa até o horário designado para início da partida, esta será realizada no servidor fornecido pela equipe de casa (Home Team), sob pena de derrota por forfeit (W.O.).
6.13.5. Ao recusar o servidor, o líder da equipe fora de casa (Away Team) deverá providenciar, em até 20 (vinte) minutos, novo servidor, que atenda aos requisitos deste regulamento, especialmente no que se refere ao formato das partidas.
• 6.13.5.1. O prazo de 20 (vinte) minutos será contado do momento de envio da recusa para o líder da equipe de casa (Home Team).
• 6.13.5.2. A comunicação do novo servidor pelo líder da equipe fora de casa (Away Team) deverá atender, obrigatoriamente, às regras 6.13.1.1. a 6.13.1.6.
6.13.6. Caso o líder da equipe fora de casa (Away Team) não providencie novo servidor no período de 20 (vinte) minutos, a partida será realizada no servidor indicado pela equipe de casa (Home Team), no prazo máximo de 10 (dez) minutos, sob pena de derrota por forfeit (W.O.).
• 6.13.6.1. O prazo de 10 (dez) minutos será contado do término do prazo de 20 (vinte) minutos para fornecimento de novo servidor.
6.13.7. Caso seja providenciado novo servidor pela equipe fora de casa (Away Team), o líder da equipe de casa (Home Team) não poderá recusá-lo, exceto nos casos das regras 6.13.2.1. a 6.13.2.4.
• 6.13.7.1. A recusa mencionada na regra 6.13.7. somente poderá ser feita durante os 20 (vinte) minutos seguintes ao fornecimento do novo servidor pelo líder da equipe fora de casa (Away Team).
• 6.13.7.2. A recusa deve atender, obrigatoriamente, às regras 6.13.3.1. a 6.13.3.4.
• 6.13.7.3. Caso não seja apresentada a recusa no período indicado, a partida será realizada no servidor fornecido pela equipe fora de casa (Away Team), sob pena de derrota por forfeit (W.O.).
• 6.13.7.4. Havendo a recusa mencionada na regra 6.13.3.2., será obrigatoriamente chamado membro da Equipe da FBTF para decidir em qual servidor será realizada a partida, atentando ao disposto neste regulamento e, especialmente, aos princípios das regras 1.1.3.3., 1.1.3.5. e 1.1.36.

6.14. Durante o processo de fornecimento de servidores, o líder de qualquer das equipes poderá solicitar a intervenção de membro da Equipe da FBTF.

6.15. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), sofrerá derrota por forfeit (W.O.) a equipe que descumprir as regras de fornecimento de servidores.
• 6.15.1. Cabe aos líderes das equipes produzirem todas as provas de tudo que se referir ao fornecimento do servidor, mediante prints de conversas, gravações de demos ou quaisquer outros meios.

• 6.15.2. O pedido do líder deverá ser formulado até o encerramento da rodada, na forma da regra 6.11.4.
• 6.15.3. Antes de decidir sobre o pedido mencionado nesta regra, a Equipe da FBTF ouvirá o líder adversário por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF.

6.16. Em casos de acirrada disputa acerca do fornecimento de servidores, poderá a Equipe da FBTF, ao invés de aplicar a derrota por forfeit (W.O.), designar nova data e novo horário para a realização da partida, especificando em qual servidor ela deverá ocorrer, ainda que depois de encerrada a rodada.

Gravação obrigatória de demos
6.17. Todos os jogadores que, de qualquer forma, participarem das partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) deverão gravar demos a partir do momento em que se conectarem ao servidor.
6.17.1. A gravação de demos é obrigatória inclusive nos casos de substituição de jogadores ou de mal funcionamento de equipamentos informáticos (crashes, glitches ou bugs).
• 6.17.1.1. Caso, por qualquer motivo, a gravação de demo de um jogador seja interrompida, deverá ele reiniciá-la tão logo tenha conhecimento do ocorrido.
6.17.3. A existência de funcionalidade de STV no servidor não dispensa os jogadores de gravarem as suas demos.

Início das partidas e derrotas por forfeit (W.O.)
6.18. No dia e no horário estipulados, seja por acordo dos líderes, seja por determinação da Equipe da FBTF, os jogadores deverão comparecer ao servidor adequado, para realizar a partida.
6.18.1. O período de tolerância para atrasos dos jogadores no início da partida é de 20 (vinte) minutos.
• 6.18.1.1. O período de tolerância será renovado por mais 20 (vinte) minutos a cada mudança de mapa, passando a correr do momento em que se encerrar o último round do mapa anterior.

6.19.2. Sofrerá derrota por forfeit (W.O.) a equipe:
• 6.19.2.1. Que, depois do período de tolerância de 20 (vinte) minutos, não tiver, pelo menos, 5 (cinco) jogadores conectados ao servidor correto, no time adequado (Red ou Blu), e com a opção ready (f4) ativada; ou
• 6.19.2.2. Que, a qualquer momento durante a partida, ficar com 4 (quatro) ou menos jogadores jogando a partida;
• 6.19.2.3. Cujo líder não proceder à realização das escolhas e de banimentos de mapas (pick and ban), na forma prevista por este regulamento, com antecedência mínima de 20 (vinte) minutos para o horário da partida;
• 6.19.2.4. Que descumprir as regras de fornecimento de servidor;
6.19.3. Não poderá vencer por forfeit (W.O.) a equipe que não estiver, na hora da partida, com, pelo menos, 5 (cinco) jogadores conectados ao servidor correto, no time adequado (Blu ou Red), com o botão ready (f4) acionado, no momento da realização da partida.
• 6.19.3.1. É obrigação do líder da equipe que solicitar vitória por forfeit (W.O.) comprovar todos os requisitos exigidos por este regulamento, podendo usar quaisquer meios de prova.
• 6.19.3.2. O líder da equipe deverá postar todas as provas dos requisitos da vitória por forfeit (W.O.) na página da partida no site oficial da FBTF.
• 6.13.3.3. Em caso de impasse entre os líderes, não serão aceitas quaisquer provas que não constem da página da partida no site oficial da FBTF.

6.19.4. A derrota por forfeit (W.O.) em qualquer dos mapas ou em round de Golden Cap prejudicará toda a partida.

6.19.5. Caso nenhuma das equipes esteja em condições de jogar a partida no horário e no servidor adequado, ambas sofrerão derrota por forfeit (W.O.).

Adiamento de partidas
6.20. O adiamento das partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) depende de autorização da Equipe da FBTF e somente poderá ocorrer nos casos de:
• 6.20.1. Atualização do Team Fortress 2 que impeça a realização da partida;
• 6.20.2. Queda, interrupção ou mitigação, por qualquer motivo, das funcionalidades do servidor de Team Fortress 2, desde que não haja outro adequado para a realização da partida;
• 6.20.3. Queda, interrupção ou mitigação, por qualquer motivo, do servidor de itens da Valve;
• 6.20.4. Outras hipóteses de caso fortuito reconhecidas pela Equipe da FBTF a pedido do líder da equipe interessada.
6.20.5 Cabe ao líder equipe interessada comprovar a ocorrência do caso fortuito alegado, utilizando quaisquer meios.
• 6.20.5.1. O líder da equipe interessada deverá postar a prova do caso fortuito na página da partida no site oficial da FBTF.
• 6.20.5.2. Em caso de impasse entre os líderes, não serão aceitas quaisquer provas que não constem da página da partida no site oficial da FBTF.

6.20.6 Todas as solicitações referentes ao adiamento de partidas deverão constar da página da partida no site oficial da FBTF.

Envio dos resultados das partidas
6.21. É obrigação do líder da equipe vencedora informar, na página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), o resultado de todos os mapas jogados.
6.21.1. Além de informar o resultado da partida, o líder da equipe vencedora deverá, obrigatoriamente, postar também os links das logs de todos os mapas.
• 6.21.2. Não serão aceitos resultados sem os links das logs de todos os mapas, exceto se, por outro modo, os líderes puderem provar a identidade dos jogadores e o resultado.
• 6.21.3. Sofrerão derrota por forfeit (W.O.) as equipes que realizarem a partida em servidor que não esteja dotado de plug-in funcional de logs.tf ou de sizzling stats, exceto se, por outro modo, os líderes puderem provar a identidade dos jogadores e o resultado.
6.21.4. É obrigação do líder da equipe perdedora confirmar, na página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), o resultado de todos os mapas jogados.

6.22. Nos casos de derrota por forfeit (W.O.), o líder da equipe vencedora deverá postar, na página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), todos os prints que confirmem o abandono da equipe adversária.
6.22.1. Além dos prints de conversas, também serão necessários prints que confirmem que a equipe vitoriosa tinha, pelo menos, 5 (cinco) jogadores conectados ao servidor, no time correto (Blu ou Red), com o botão ready (f4) acionado, no momento da partida.

Solicitação de demos ou de STV
6.23. Até o encerramento da rodada, os líderes das equipes poderão solicitar demos de até 2 (dois) jogadores da equipe adversária.
6.23.1. A solicitação de demo deverá ser feita, exclusivamente, pela página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
6.23.2. A solicitação de demo não precisa ser fundamentada.
6.23.3. As solicitações de demos realizadas após o encerramento da rodada se sujeitarão à análise de relevância da Equipe da FBTF mencionada nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
6.23.4. A Equipe da FBTF também poderá solicitar demos de quaisquer jogadores.
6.23.5. O jogador deverá fornecer a sua demo no prazo de 48 (quarenta e oito) horas do pedido, sob pena da punição prevista neste regulamento.
• 6.23.6. É de total responsabilidade do jogador a funcionalidade do arquivo de demo enviado, bem como a sua disponibilidade para download de servidor da internet.

6.24. Até o encerramento da rodada, o líderes da equipe que não tiver sido responsável pelo fornecimento do servidor poderá solicitar o arquivo de STV da partida.
6.24.1. Aplicam-se à regra 6.24. as mesmas disposições sobre a solicitação de demos.

Regras gerais para reversões de partidas
6.25. A reversão constitui a alteração do resultado da partida determinada pela Equipe da FBTF, para considerar vitoriosa a equipe que foi prejudicada por infração ou por irregularidade.
6.25.1. Em caso de reversão, a pontuação dos mapas será invertida, alternando o resultado dos rounds entre as equipes.
6.25.2. Não se reverterá partida sem que haja comprovado prejuízo para alguma das equipes nem quando a equipe solicitante for a responsável pela infração ou irregularidade.
6.25.3. Também não se reverterá partida se as duas equipes cometerem infrações recíprocas de igual gravidade ou relevância.
• 6.25.3.1. Se alguma infração tiver maior gravidade ou relevância para a partida, a reversão ocorrerá em benefício da equipe mais prejudicada.
6.25.4. Antes de decidir sobre a reversão da partida, a Equipe da FBTF ouvirá os líderes das duas equipes envolvidas por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF.
6.25.5. Caso a reversão de partida resulte na necessidade de realização de novas partidas, a Equipe da FBTF estabelecerá as regras aplicáveis.
6.25.6. Em situações excepcionais, a Equipe da FBTF poderá determinar que a partida seja jogada novamente, ao invés de reverter o resultado.

Regras gerais para anulações de partidas
6.26. A anulação constitui a determinação da Equipe da FBTF que torna sem validade a partida realizada, determinando que outra seja realizada com a correção de infração ou de irregularidade.
6.26.1. A anulação ocorrerá em situações em que a irregularidade ou infração não seja atribuível a nenhuma das equipes.
6.26.2. Não se anulará partida sem que haja comprovado prejuízo para alguma das equipes nem quando a equipe solicitante for a responsável pela infração ou irregularidade.
6.26.3. Antes de decidir sobre a anulação da partida, a Equipe da FBTF ouvirá os líderes das duas equipes envolvidas por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF.
6.26.4. Caso a anulação de partida resulte na necessidade de realização de novas partidas, a Equipe da FBTF estabelecerá as regras aplicáveis.
6.26.5. Em situações excepcionais, a Equipe da FBTF poderá determinar que a partida seja jogada novamente, ao invés de anulá-la.

Premiação da LBTF2
6.27. De acordo com a classificação final, receberão medalha genuína da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) todos os jogadores que participarem da competição, integrando equipe regularmente inscrita.
6.27.1. Não farão jus à premiação da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2):
• 6.27.1.1. Os jogadores que forem banidos pela Equipe da FBTF de jogar a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) ou que foram expulsos de suas equipes por decisão do líder;
• 6.27.1.2. Os jogadores que integraram equipes expulsas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) ou dissolvidas, seja por seus líderes, seja pela Equipe da FBTF;
• 6.27.1.3. Os jogadores que integrarem equipes que sofrerem mais que 2 (duas) derrotas por forfeit (W.O.) em partidas ou que sofrerem derrota por forfeit (W.O.) na fase eliminatória;
• 6.27.1.4. Os jogadores que emitirem comentários depreciativos acerca da competição nos espaços virtuais da Federação Brasileira de Team Fortress;
• 6.27.1.5. Os mercenários, em qualquer divisão.

6.28. A Equipe da FBTF divulgará, antes do término do período de inscrição, outras premiações disponíveis, bem como as regras aplicáveis.

7. Formato das partidas

7.1. As partidas da Liga Brasileira de Team Fotress 2 (LBTF) serão realizadas, exclusivamente, nos seguintes modos de jogo:
• 7.1.1. Push (Capture Points);
• 7.1.2. Stopwatch (Payload ou Capture Points);
• 7.1.3. King of the Hill (KOTH);
• 7.1.4. Capture the Flag (CTF).
7.1.5. A pedido do líder da equipe prejudicada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF, poderá ser revertida ou anulada partida realizada com arquivo de cfg equivocado, desde que comprovado o efetivo prejuízo.
• 7.1.6. O pedido mencionado na regra 7.1.5. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.1.7. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Modo de jogo Push (Capture Points)
7.2. No modo de jogo Push (Capture Points), as equipes disputarão mapa cujo objetivo é capturar, sequencialmente do primeiro até o último, os pontos de controle da equipe adversária.
7.2.1. No modo de jogo Push, o servidor deverá utilizar o arquivo de configuração “fbtf_6v6_push.cfg” ou “fbtf_9v9_push.cfg” e a whitelist indicada pela Equipe da FBTF.
7.2.2. A duração máxima do mapa será de 30 (trinta) minutos (mp_timelimit 30), enquanto o tempo limite de cada round será de 10 (dez) minutos.
• 7.2.3. À medida que pontos de controle forem capturados, o tempo limite de cada round será reiniciado.
7.2.4. Será vencedora do round a equipe que capturar o último ponto de controle da equipe adversária antes do decurso do tempo limite para o round ou para a partida.
• 7.2.5. Na eventualidade de o tempo limite do round chegar a 0 (zero), o referido round será reiniciado automaticamente pelo Team Fortress 2, não havendo acréscimo de tempo à partida.
7.2.6. Será vencedora do mapa a equipe que capturar o último ponto de controle da equipe adversária 5 (cinco) vezes ou que tiver sido vitoriosa no maior número de rounds, uma vez atingido o limite de 30 (trinta) minutos para o mapa.
7.2.7. Se, atingido o limite de 30 (trinta) minutos para o mapa, nenhuma equipe se tiver sagrado vitoriosa, conforme previsão da regra 7.2.4, será jogado 1 (um) round de desempate no modelo Golden Cap (GC).
• 7.2.7.1. O round de desempate de Golden Cap (GC) não terá limite de tempo (mp_timelimit 0).
• 7.2.7.2. Será considerada vitoriosa no mapa a equipe que capturar o último ponto de controle da equipe adversária no round de desempate.
• 7.2.7.3. No round de desempate do modo de jogo Push, o servidor deverá utilizar o arquivo de configuração “fbtf_golden_cap.cfg” e a whitelist indicada pela Equipe da FBTF.
• 7.2.7.4. No momento do envio do resultado, os líderes das equipes deverão informar o desfecho também do round de desempate, se houver.

Modo de jogo Stopwatch (Payload ou Capture Points)
7.3. No modo de jogo Stopwatch (Payload ou Capture Points), as equipes disputarão mapa cujo objetivo é atacar ou defender pontos de captura sequenciais, do primeiro ao último.
7.3.1. Cada set engloba 1 (um) ataque e 1 (uma) defesa por cada time no mesmo mapa.
7.3.2. O modo de jogo Stopwatch seguirá o formato AB-BA-AB: A equipe A ataca e a equipe B defende. No próximo set, a equipe B ataca e a equipe A defende. Se for necessário o terceiro set, a equipe A será o time atacante. Se houver um impasse para decidir quem será a equipe A (o primeiro time a atacar), um jogador de cada time terá que tirar um duelo de corpo a corpo (melee) de scout, em 6v6, ou de Heavy, em Highlander.
7.3.3. Não há limite de tempo para no modo de jogo Stopwatch (mp_ti melimit 0).
7.3.4. O resultado será enviado a partir do número de sets vencidos por cada equipe (2x0 ou 2x1), sendo 3 (três) envios no máximo.
7.3.5. No modo de jogo Stopwatch, o servidor deverá utilizar o arquivo de configuração “fbtf_9v9_stopwatch.cfg” e a whitelist adequada.
7.3.6. O modo de jogo Stopwatch será jogado exclusivamente na modalidade 9v9 (ou Highlander).

Modo de jogo King of the Hill (KOTH)
7.4. No modo de jogo King of the Hill (KOTH), as equipes disputarão mapa cujo objetivo é zerar o relógio de captura do ponto de controle principal.
7.4.1. Não há limite de tempo (mp_timelimit 0) para o modo de jogo King of the Hill.
7.4.2. Será vencedora do round a equipe que, em primeiro lugar, zerar o relógio de captura do ponto de controle central.
7.4.3. Será vencedora do mapa a equipe que, em primeiro lugar, sagrar-se vitoriosa em 4 (quatro) rounds.
7.4.4. Poderão ser jogados até 7 (sete) rounds no modo de jogo King of the Hill (KOTH).
7.4.5. Serão jogados novamente os rounds em que houver empate.
7.4.6. No modo de jogo King of the Hill, o servidor deverá utilizar o arquivo de configuração “fbtf_6v6_koth.cfg” ou “fbtf_9v9_koth.cfg” e a whitelist adequada.

Modo de jogo Capture the Flag (CTF)
7.5. No modo de jogo Capture the Flag (CTF), as equipes disputarão sets de 20 (vinte) minutos, com tf_flag_caps_per_rounds 5 para 6v6 e tf_flag_caps_ per_rounds 7 para Highlander. Em ambos os casos, haverá mp_winlimit 2 e tf_ctf_bonus_time 0.
• 7.5.1. Ganhará o round a equipe que capturar a inteligência adversária 5 (cinco) vezes, para 6v6, ou 7 (sete) vezes, para Highlander.
• 7.5.2. Será vencedora do mapa a equipe que, em primeiro lugar, ganhar 2 (dois) rounds.
7.5.3. Se, ao final dos 20 (vinte) minutos de cada set, ocorrer empate de rounds, será jogada segunda partida no modo Golden Flag, com mp_timeli mit 0, sendo vitoriosa a equipe que, em primeiro lugar, capturar a inteligência adversária.
7.5.4. No modo de jogo Capture the Flag, o servidor deverá utilizar o arquivo de configuração “fbtf_9v9_ctf.cfg” ou “fbtf_golden_cap.cfg” e a whitelist adequada.
7.5.5. O resultado da partida será a soma dos rounds realizados por cada time.
7.5.6. O modo de jogo Capture the Flag (CTF) somente será jogado na modalidade Highlander.

Whitelist da LBTF2
7.6. Antes do início das competições, a Equipe da FBTF divulgará a whitelist para cada modalidade de jogo.
• 7.6.1. Compete, exclusivamente, à Equipe da FBTF a escolha de quais itens estarão banidos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
7.6.2. Sem prejuízo da punição cabível, a Equipe da FBTF poderá proibir o uso de itens cujos nomes ou descrições tenham sido alterados para incluir expressões indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, apologia ao uso de drogas, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
7.6.3. Durante as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), os servidores deverão utilizar, obrigatoriamente os seguintes arquivos, de acordo com a modalidade de jogo:
● 7.6.3.1. “fbtf_6v6_whitelist” (para 6v6);
● 7.6.3.2. “fbtf_9v9_whitelist” (para 9v9).
7.6.4. Serão proibidos os itens que forem introduzidos ao Team Fortress 2 depois da divulgação do calendário da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), exceto se houver determinação em contrário da Equipe da FBTF.
7.6.5. No caso de alteração dos atributos de um item existente depois da publicação do calendário da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), a Equipe da FBTF decidirá se o seu uso será permitido ou não durante o campeonato.
7.6.6. A pedido do líder da equipe prejudicada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF, poderá ser revertida ou anulada partida realizada com arquivo de whitelist equivocado, desde que comprovado o efetivo prejuízo.
• 7.6.7. O pedido mencionado na regra 7.6.6. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.6.8. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Lista de mapas da LBTF2
7.7. Antes do término do período de inscrição, a Equipe da FBTF divulgará a lista de mapas em que se realizarão as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
• 7.7.1. Serão escolhidos por sorteio os mapas das rodadas realizadas na fase classificatória da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), sendo que todas as partidas da mesma rodada da fase classificatória serão nos mesmos mapas.
• 7.7.2. Nas rodadas das demais fases da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), os mapas das partidas serão escolhidos pelas equipes participantes na forma deste regulamento.
7.7.3. Compete, exclusivamente, à Equipe da FBTF a escolha de quais mapas e das suas versões que integrarão a lista utilizada na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
7.7.4. Depois da divulgação do calendário da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), não serão utilizados novos mapas introduzidos ao Team Fortress 2 ou novas versões dos mapas já existentes, exceto se houver determinação em contrário da Equipe da FBTF.
7.7.5. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), poderá ser revertida ou anulada a partida realizada em mapa equivocado ou em versão equivocada do mapa correto, desde que comprovado o efetivo prejuízo.
• 7.7.6. O pedido mencionado na regra 7.7.5. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.7.7. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Requisitos dos servidores de Team Fortress 2
7.8. Durante a realização de todas as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), os servidores de Team Fortress 2 deverão:
• 7.8.1. Rodar a versão mais atualizada do Team Fortress 2 disponível naquele momento;
• 7.8.2. Ser protegidos por senha (password) de conhecimento exclusivo dos jogadores que participarão da partida e estar com sv_pure 2;
• 7.8.3. Utilizar os arquivos de cfg e de whitelist adequados, bem como os mapas corretos, em suas versões corretas;
• 7.8.4. Contar, obrigatoriamente, com os plug-ins de logs.tf ou de sizzingstats funcionais;
• 7.8.5. Não possuir espectadores, ressalvada a funcionalidade de STV.
7.8.6. Serão consideradas não jogadas as partidas realizadas em servidores sem os plug-ins de logs.tf ou de sizzling stats ou com esses plug-ins com funcionalidade limitada, exceto se, por outro modo, os líderes puderem provar a identidade dos jogadores e o resultado.
7.8.7. O fornecimento de servidor de Team Fortress 2 para as partidas é de responsabilidade das equipes, na forma prevista neste regulamento.
• 7.8.8. Excepcionalmente, a Equipe da FBTF, para solucionar impasse existente entre equipes, poderá indicar servidor para realização das partidas.
7.8.9. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), poderá ser revertida ou anulada a partida realizada em servidor de Team Fortress 2 que não atenda aos requisitos deste regulamento, desde que comprovado o efetivo prejuízo.
• 7.8.10. O pedido mencionado na regra 7.8.9. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.8.11. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Problemas de conexão e jogadores estrangeiros
7.9. É de responsabilidade dos jogadores inscritos na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) o bom funcionamento do seus equipamentos informáticos e de seus sistemas de acesso à internet.
7.9.1. Problemas de ping ou de latência ou outras formas de limitação técnica, informática ou geográfica ou de mal funcionamento de equipamentos não escusam os jogadores de cumprimento das regras da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), ressalvadas as regras para recusa de servidor.
• 7.9.2. Nos casos de disputas entre equipes por servidores Team Fortress 2 para a realização das partidas, a Equipe da FBTF dará preferência para aqueles localizados no território brasileiro.
• 7.9.3. Em igualdade de condições, prevalecerá o servidor de Team Fortress 2 que tiver menor ping ou latência ou que se mostrar mais adequado para a realização das partidas.
7.9.4. As situações que configurem caso fortuito relacionadas a problemas de ping ou de latência ou outras formas de limitação técnica, informática ou geográfica ou de mal funcionamento de equipamentos serão avaliadas pela Equipe da FBTF nos termos deste regulamento.

Proibição de espectadores durante as partidas
7.10. Não são permitidos espectadores durante as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), sendo apenas possível a transmissão do jogo pelo sistema de STV, desde que haja atraso de, pelo menos, 2 (dois) minutos.
7.10.1. Em nenhum momento durante a realização da partida poderá qualquer equipe ter jogador na condição de espectador, ainda que ocorram substituições.
7.10.2. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), poderá ser revertida ou anulada a partida em que tenha ocorrido o descumprimento das regras sobre espectadores, desde que comprovado o efetivo prejuízo.
• 7.10.3. O pedido mencionado na regra 7.10.2. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.10.4. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Transmissão das partidas por STV
7.11. A transmissão das partidas pela SourceTV (STV) não é obrigatória e, quando ocorrer, deverá ter atraso (delay) de, pelo menos, 2 (dois) minutos.
7.11.1. Cabe exclusivamente à Equipe da FBTF a decisão acerca de quais partidas serão transmitidas ao vivo por streaming por intermédio das equipes oficiais ou parceiras da FBTF.
7.11.1.1. É permitido que os jogadores façam a transmissão de suas POVs por sistema de streaming, exceto se a partida for transmitida ao vivo por intermédio das equipes oficiais ou parceiras da FBTF e desde que a transmissão, por qualquer meio que seja, tenha atraso de, pelo menos, 2 (dois) minutos.
7.11.2. Durante as partidas selecionadas pela Equipe da FBTF para transmissão ao vivo por streaming, é obrigatório que os jogadores participantes utilizem os nomes ou nicknames constantes de seu cadastro no site oficial da FBTF, sem prejuízo das punições cabíveis.
7.11.3. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), poderá ser revertida ou anulada a partida que tenha ocorrido sem atraso mínimo de 2 (dois) minutos na SourceTV (STV), desde que comprovado o efetivo prejuízo.
• 7.11.4. O pedido mencionado na regra 7.11.3. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.11.5. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Limites de jogadores durante as partidas
7.12. O limite mínimo é de 5 (cinco) jogadores por equipe para participar das partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
• 7.12.1. Sofrerão derrota por forfeit (W.O.) as equipes que, no horário designado para a partida, não tiverem, pelo menos, 5 (cinco) jogadores conectados ao servidor adequados, no time correto (Blu ou Red), preparados para jogar e com o botão ready (f4) acionado, respeitado o prazo de tolerância de 20 (vinte) minutos.
• 7.12.2. Também sofrerão derrota por forfeit (W.O.) as equipes que, a qualquer momento durante a realização da partida, não ficarem com 4 (quatro) ou menos jogadores jogando.
7.13. O limite máximo é de 6 (seis) jogadores por equipe para cada partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
• 7.13.1. Em nenhum momento durante a realização da partida, ainda que ocorram substituições, poderá qualquer equipe ter mais que 6 (seis) jogadores conectados ao servidor ao mesmo tempo.

7.14. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), poderá ser revertida ou anulada a partida em que não tenham sido respeitados os limites de jogadores, desde que comprovado o efetivo prejuízo.
• 7.14.1. O pedido mencionado na regra 7.14. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.14.2. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Limites de classes durante as partidas
7.15. O limite de classes permitido durante as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) serão: 2 (dois) Scouts; 2 (dois) Soldiers; 1 (um) Pyro; 1 (um) Demoman; 1 (um) Heavy; 1 (um) Engineer; 1 (um) Medic; 2 (dois) Snipers; 2 (dois) Spies.
• 7.15.1. Respeitada a regra 7.15., não há limites para off-classing durante as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).

7.16. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), poderá ser revertida ou anulada a partida em que não tenham sido respeitados os limites de classe, desde que comprovado o efetivo prejuízo.
• 7.16.1. O pedido mencionado na regra 7.16. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.16.2. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Possibilidade de pegar armas jogadas no chão
7.17. Durante as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), permite-se que as armas derrubadas por jogadores mortos sejam obtidas por outros jogadores na mesma partida.
7.17.1. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), poderá ser revertida ou anulada a partida em que não tenha sido possível pegar as derrubadas no chão, desde que comprovado o efetivo prejuízo.
• 7.17.2. O pedido mencionado na regra 7.17.1. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.17.2. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Substituições de jogadores
7.18. Durante as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), qualquer equipe poderá efetuar a substituição de seus jogadores, não podendo ser ultrapassados, em nenhum momento, os limites mínimo de 5 (cinco) e máximo de 6 (seis).
7.18.1. O jogador substituído deverá desconectar-se do servidor de Team Fortress 2 primeiro; só então poderá conectar-se o substituto.
7.18.2. Não há limites para o número de substituições de jogadores durante a mesma partida.
7.18.3. A substituição voluntária de jogadores não autoriza a pausa da partida por nenhuma das equipes.
7.18.4. Deverão gravar suas demos todos os jogadores que participarem da partida, ainda que sejam substituídos.
7.18.5. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), poderá ser revertida ou anulada a partida em que não tenham sido respeitadas as regras de substituição de jogadores.
• 7.18.6. O pedido mencionado na regra 7.18.5. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.18.7. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

Interrupções das partidas
7.19. Uma vez iniciadas, as partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) serão realizadas de forma ininterrupta, exceto nos casos de:
• 7.19.1. Interrupção no funcionamento do servidor de Team Fortress 2 ou do servidor de itens da Valve;
• 7.19.2. Perda de conexão de um jogador da partida.
7.19.3. Não se admite a pausa técnica durante as partidas.

7.20. Caso haja interrupção no funcionamento do servidor de Team Fortress 2 ou no servidor de itens da Valve durante a realização de partida, serão aproveitados todos os acontecimentos até o final do round anterior ao da interrupção.
• 7.20.1. Depois do restabelecimento do servidor, a partida será reiniciada, com o mesmo placar existente ao final do último round anterior ao da interrupção, reiniciando-se o round em que esta ocorreu.
• 7.20.2. O tempo restante da partida será calculado pela diferença entre o tempo total e o tempo já jogado até o final do último round anterior à interrupção.

7.21. Nos casos de perda de conexão (drop ou timout) de um jogador, qualquer pessoa conectada ao servidor poderá pausar a partida por até 8 (minutos) minutos.
• 7.21.1. A pausa da partida não poderá ser recusada pela equipe adversária.
• 7.21.2. Com o retorno do jogador desconectado, a partida deverá ter prosseguimento mediante o anúncio de “DESPAUSA EM 5 SEGUNDOS”, seguido do período de 5 (cinco) segundos antes da continuação.
• 7.21.3. No caso da perda de conexão (drop ou timeout) de jogador, cada equipe tem o direito de solicitar até 2 (duas) pausas por mapa, cada uma delas podendo ter a duração máxima de 8 (oito) minutos.
• 7.21.4. Durante o período de pausa, é possível a substituição de jogadores de uma equipe por seus reservas ou por mercenários, desde que respeitados os limites de classe e os números mínimo de 5 (cinco) e máximo de 6 (seis) jogadores por equipe, observadas as regras de substituições.
• 7.21.5. Atingido o limite máximo de tempo da pausa, a partida terá prosseguimento obrigatoriamente, ainda que uma das equipes possua apenas 5 (cinco) jogadores, assegurada a possibilidade de o jogador desconectado, de mercenário ou de substituto conectar-se ao servidor, ingressando na partida como ela estiver.

7.22. A pedido do líder da equipe interessada, formulado exclusivamente por intermédio da página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), poderá ser revertida ou anulada a partida em que não tenham sido respeitadas as regras de interrupções.
• 7.22.1. O pedido mencionado na regra 7.22. deverá ser realizado até o encerramento da rodada, sob pena de se sujeitar à avaliação de relevância da Equipe da FBTF, prevista nas regras 6.11.4.1. a 6.11.4.3.
• 7.22.2. O pedido também se sujeitará às regras 6.25. a 6.26.4.

8. Direitos e deveres dos jogadores

Direitos dos jogadores inscritos na LBTF2
8.1. São direitos de todos os jogadores inscritos na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2):
8.1.1. Participar da competição e das partidas de forma irrestrita, ressalvadas as regras deste regulamento e as escolhas de escalação do líder de cada equipe;
8.1.2. Receber informações públicas acerca do andamento da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2);
8.1.3. Formular quaisquer requerimentos à Equipe da FBTF por intermédio de post no tópico adequado do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf);
8.1.4. Ter assegurado o sigilo das informações pessoais fornecidas à Equipe da FBTF, especialmente no caso de identificação pessoal.
8.1.5. Somente ser punido pelas infrações previstas pelo regulamento anteriormente ao fato e nos limites das punições previstas;
8.1.6. Receber a premiação que lhe couber ao final da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), na forma prevista neste regulamento.

Deveres dos jogadores inscritos na LBTF2
8.2. São deveres de todos os jogadores inscritos na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2):
8.2.1. Agir sempre de acordo com os princípios da esportividade, do fair-play, e do jogo limpo, bem como tratar todos os participantes da competição, todas as equipes, todos os membros da Equipe da FTBF e terceiros com respeito e urbanidade, sendo vedado, durante as partidas e treinos, bem como no servidor do Discord, o emprego de expressões injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio ou outra forma de discriminação vedada por este regulamento;
8.2.2. Preencher o formulário de cadastro, bem como todos os demais formulários indicados pela Equipe da FBTF, apenas com informações verídicas e completas, bem como informar, antecipadamente, se pretende informar a funcionalidade de VPN (Virtual Private Network) durante as partidas ou se existe risco de outro jogador compartilhar o seu endereço de IP;
8.2.3. Manter, durante toda a duração da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), nome, nickname, imagem de perfil (avatar) e descrição de perfil compatíveis com as exigências deste regulamento;
8.2.4. Jogar todas as partidas ao máximo de sua habilidade e com a intenção de se sagrar vitorioso, vedada a manipulação ou tentativa de manipulação, gratuita ou onerosa, dos resultados;
8.2.5. Abster-se de impedir ou de tentar impedir, por qualquer meio, o correto funcionamento dos computadores de outros jogadores, dos servidores utilizados para partidas ou para treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) ou para hospedagem do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf);
8.2.6. Abster-se de utilizar, durante partidas ou treinos do torneio, equipamentos ou software que permitam ao usuário qualquer vantagem competitiva não autorizada sobre os demais jogadores, ainda que apenas informacional;
8.2.7. Abster-se de utilizar, durante partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), ou no servidor do Discord, sprays ou fotografias de perfil pornográficas ou que contenham desenhos, formas ou expressões injuriosas, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio ou outra forma de discriminação vedada por este regulamento;
8.2.8. Abster-se de utilizar, durante partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), itens cujos nomes ou descrições tenham sido alterados incluir expressões indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, apologia ao uso de drogas, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita;
8.2.9. Abster-se de utilizar, durante partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), bugs ou exploits para obter qualquer vantagem competitiva não autorizada sobre os demais jogadores, ainda que apenas informacional;
8.2.10. Abster-se de compartilhar a sua conta da Steam, permitindo que outros jogadores participem do torneio irregularmente;
8.2.11. Abster-se de utilizar mais de uma conta da Steam da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), fingindo possuir ter falsa identidade;
8.2.12. Gravar demos de todas as partidas, desde o início até o término de sua participação, e atender às solicitações de demos;
8.2.13. Atender, de forma expedita e apenas com informações completas e verídicas, a todas as solicitações da Equipe da FBTF;
8.2.14. Inclui-se na proibição da regra 8.2.5. o emprego de quaisquer meios tecnológicos ou informáticos para impedir, reduzir ou negar funcionalidades aos servidores utilizados para partidas ou treinos do torneio, incluindo, mas não se limitando a ataques de DDOS, à utilização de lag bots e à utilização de exploits de servidor.
8.2.15. Inclui-se na proibição da regra 8.2.6. o emprego de quaisquer meios tecnológicos ou informáticos de cheat ou de hack, incluindo, mas não se limitando a wallhack, speedhack, crithack, aimbot, silent aim, LMAOBox, MultiBox, fake lag e ubertracker.
8.2.16. Inclui-se na proibição da regra 8.2.7. o emprego de quaisquer imagens, fotografias, .gifs, animadas ou estáticas, que contenham, ainda que parcialmente, conteúdo pornográfico ou sexual, incluindo hentais e outras formas de desenho ou computação gráfica.

9. Infrações

Regras gerais
9.1. Todas as infrações cometidas serão apuradas pela Equipe da FBTF e punidas na forma deste regulamento.
9.1.1. Nenhum jogador cadastrado na Federação Brasileira de Team Fortress (FBTF) será punido por infração que não tenha anterior previsão neste regulamento.
9.1.2. Nenhum jogador cadastrado na Federação Brasileira de Team Fortress (FBTF) será punido novamente por infração que já foi objeto de punição.
9.1.3. No caso de pluralidade de infrações cometidas por um jogador, as punições serão somadas.
9.1.4. Nos casos de coação irresistível, será responsabilizado o coator pela infração cometida pelo coagido.
9.1.5. As infrações previstas neste regulamento são imprescritíveis.

Apuração de infrações
9.2. Deste o começo da fase de inscrições até o término da LBTF2 (Liga Brasileira de Team Fortress 2), serão responsabilizados pelas infrações que cometerem todos os jogadores inscritos na competição, bem como as pessoas que tiverem concorrido para o fato, seja como coautores, seja como partícipes.
9.2.1. Qualquer pessoa, inscrita ou não na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), poderá denunciar à Equipe da FBTF a ocorrência de infração prevista neste regulamento. A Equipe da FBTF também poderá iniciar, de ofício, a apuração de infração de que tiver conhecimento.
9.2.2. As denúncias serão realizadas por intermédio de tópico específico no fórum do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.2.3. O denunciante poderá solicitar que a sua identidade seja mantida em sigilo.
9.2.4. Sempre que possível, as denúncias deverão vir acompanhadas de elementos que comprovem a ocorrência da infração.
9.2.5. Caso a denúncia esteja incompleta, a Equipe da FBTF poderá manter contato com o denunciante, para esclarecer eventuais questões, antes de dar prosseguimento à apuração.
9.2.6. Qualquer material que acompanhe a denúncia deverá ser verdadeiro e legítimo. Caso constatada alteração no material ou o intuito de ludibriar a Equipe da FBTF, o denunciante sofrerá a punição regulamentar.
9.2.7. Serão imediatamente arquivadas as denúncias que:
• 9.2.7.1. Não veiculem infrações contidas neste regulamento;
• 9.2.7.2. Venham absolutamente desacompanhadas de qualquer prova ou que não indiquem onde a prova possa ser encontrada;
• 9.2.7.3. Façam referência a fatos que já foram objeto de punição ou de apuração anterior.
9.2.8. É irrecorrível a decisão de arquivamento prevista na regra 9.2.7.
9.2.9. As denúncias recebidas ficarão sob análise até o término da apuração realizada pela Equipe da FBTF, não havendo prazo de resposta estipulado ao denunciante.
9.2.10. A Equipe da FBTF assegurará à apuração o sigilo necessário à elucidação da infração e ao resguardo dos direitos dos envolvidos.
• 9.2.10.1. Durante a apuração da infração, poderá ser solicitada a opinião de jogadores com notória experiência sobre o fato imputado.
• 9.2.10.2. Caso seja relevante para a apuração da infração, a Equipe da FBTF poderá facultar ao denunciado prazo para a apresentação de defesa.
• 9.2.10.3. Nos casos em que não houver dúvida acerca da ocorrência da infração, será prescindível a apresentação de defesa do denunciado para a aplicação da punição regulamentar.
9.2.11. Ao final da apuração, será arquivado o procedimento, se:
• 9.2.11.1. Não tiver sido comprovada a autoria ou a participação do denunciado na infração;
• 9.2.11.2. Se o fato narrado não constituir infração regulamentar;
• 9.2.11.3. Se não houver provas suficientes para a condenação.
9.2.12. Serão aplicadas as punições cabíveis, quando comprovadas a infração e a sua autoria pela Staff da FBTF. Incumbirá ao denunciado a prova de tudo que alegar em sua defesa.
9.2.13. Depois da aplicação da punição, a Equipe da FBTF divulgará todo o procedimento ou apenas parte dele no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), indicando a punição aplicada.
• 9.2.13.1. Para preservar direitos de terceiros ou para evitar a divulgação de informações sensíveis ou sigilosas, poderá ser determinada a censura de partes do procedimento antes de sua publicação.
9.2.14. A decisão que aplicar punição é irrecorrível, somente podendo ser alterada no caso de surgimento de provas novas, hipótese em que o caso poderá ser analisado novamente pela Equipe da FBTF.

Dosimetria das punições
9.3. As punições serão aplicadas nos limites das disposições regulamentares, sendo individualizadas para cada infrator, levando em consideração:
• 9.3.1. As circunstâncias e as consequências do fato;
• 9.3.2. A reprovabilidade da conduta;
• 9.3.3. A reincidência ou a primariedade do infrator e a sua a intenção ao praticar o ato;
• 9.3.4. O comportamento da vítima.
9.3.5. As punições serão atenuadas, se:
• 9.3.5.1. O infrator tiver cometido o fato sob coação que podia resistir;
• 9.3.5.2. O infrator confessar espontaneamente o fato, dependendo a quantidade de atenuação da contribuição da confissão para o esclarecimento do ocorrido;
• 9.3.5.3. O infrator colaborar com as investigações, apresentando provas do fato ou delatando demais coatores ou partícipes.

Tipos de punição
9.4. A punição de advertência consiste na admoestação do jogador infrator, informando-o da prática de infração leve e solicitando que ele adeque a sua conduta às exigências regulamentares.
9.4.1. Ao final da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), as advertências aplicadas expirarão, passando a ser contadas novamente do zero na próxima temporada.
9.4.2. Caso a infração somente seja descoberta após o término de uma temporada da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), a advertência será aplicada na próxima temporada da mesma modalidade (6v6 ou 9v9).

9.5. A punição suspensão consiste no impedimento a que o jogador infrator participe de quaisquer mapas ou partidas durante o período indicado pela Equipe da FBTF.
9.5.1. A duração da suspensão será definida pela Equipe da FBTF de acordo com os limites previstos neste regulamento, individualizada a punição para cada infrator.
9.5.2. Ao final da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), as suspensões aplicadas expirarão, não precisando ser cumpridas em qualquer próxima competição, exceto no caso de suspensões decorrentes de derrota por forfeit (W.O.).
9.5.3. Caso a infração somente seja descoberta após o término de uma temporada da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), a suspensão será aplicada na próxima temporada da mesma modalidade (6v6 ou 9v9).

9.6. A punição de banimento consiste no compulsório afastamento do jogador infrator da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), do servidor de Discord e/ou do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.6.1. A duração do banimento será definida pela Equipe da FBTF de acordo com os limites previstos neste regulamento, individualizada a punição para cada infrator.
9.6.2. A Equipe da FBTF definirá também a abrangência do banimento, estipulando de quais aspectos da LBTF2 (site oficial, partidas ou servidor de Discord) o jogador banido não poderá participar.
9.6.3. O banimento não expira com o final da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), devendo o afastamento do jogador punido ser cumprido pela integralidade do tempo indicado pela Equipe da FBTF.

Aproveitamento de punições
9.7. A Equipe da FBTF poderá, por intermédio da análise de demos ou outras evidências, punir jogadores que tiverem sido banidos de servidores públicos ou de outras ligas, além de jogadores que desrespeitarem o campeonato ou algum membro da Equipe da FBTF em canais da FBTF ou relacionados.
• 9.7.1. No caso da regra anterior, o jogador infrator que tenha cometido infrações será punido pela Equipe da FBTF a partir da data em que se tiver conhecimento de tais infrações e das respectivas provas.

Rol de infrações leves
9.8. Proferir, durante as partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), no servidor do Discord da FBTF ou no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), por intermédio de funcionalidade de chat escrito ou de voz, excessivas ofensas a outro jogador, utilizando-se de expressões injuriosas, difamatórias, caluniosas ou ofensivas ao decoro.
Punição: advertência.
9.8.1. A punição será de suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas, se:
• 9.8.1.1. A ofensa contiver conteúdo racista, homofóbico, supremacista, sexista, xenofóbico ou que importe, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio ou outra forma de discriminação vedada por este regulamento;
• 9.8.1.2. Se a partida estiver sendo transmitida ao vivo pela internet (streaming) e a ofensa receber publicidade;
• 9.8.1.3. Se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração leve.
9.8.2. A punição será de banimento de 1 (um) mês a 1 (um) ano, se o jogador já tiver sido punido múltiplas vezes.

9.9. Praticar, no servidor do Discord ou no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf) atos de spam ou de flood de mensagens de texto a ponto de dificultar a comunicação.
Punição: advertência, além de mute por até 1 (uma) semana.
9.9.1. A punição será suspensão de 1 (uma) semana até 3 (três) meses, além de mute pelo mesmo período, se o agente já tiver sido punido anteriormente por fato similar.
9.9.2. A punição será de suspensão de 1 (um) a 6 (seis) meses, além de mute permanente, se o agente já tiver sido punido múltiplas vezes por fato similar.

9.10. Utilizar, durante as partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), no servidor do Discord da FBTF ou no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), nome ou nickname que contenha expressões injuriosas, caluniosas ou ofensivas ao decoro:
Punição: advertência.
9.10.1. A punição será de suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas, se:
• 9.10.1.1. O nome ou o nickname contiver conteúdo racista, homofóbico, supremacista, sexista, xenofóbico ou que importe, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio ou outra forma de discriminação vedada por este regulamento;
• 9.10.1.2. Se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração leve.
9.10.1. A punição será de banimento de 1 (um) mês a 1 (um) ano, se o jogador já tiver sido punido múltiplas vezes.

9.11. Utilizar, durante as partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), no servidor do Discord da FBTF ou no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), imagem de perfil que traga formas, desenhos, imagens, expressões ou conteúdo indecorosas, injuriosas, difamatórias ou caluniosas:
Punição: advertência.
9.11.1. A punição será de suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas, se:
• 9.11.1.1. A imagem de perfil contiver conteúdo racista, homofóbico, supremacista, sexista, xenofóbico, pornográfico, explícito, parcial ou integralmente, ainda que em formato de desenho (hentai), ou que importe, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio ou incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
• 9.11.1.2. Se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração leve.
9.11.2. A punição será de banimento de 1 (um) mês a 1 (um) ano, se o jogador já tiver sido punido múltiplas vezes.
9.11.3. Até que atenda às exigências deste regulamento, o agente poderá ter sua imagem de perfil excluída do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf) ou ser expulso do servidor do Discord da FBTF.
9.11.4. Para poder participar novamente da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), o jogador deverá adequar a sua imagem de perfil às exigências deste regulamento.

9.12. Utilizar, durante as partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), sprays que contenham imagens, desenhos, .gifs animados, que tragam expressões ou conteúdo indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas, racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, pornográficas, explícitas, parcial ou integralmente, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
Punição: advertência.
9.12.1. A punição será de suspensão de 1 (um) mês até 1 (um) ano, se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração leve.
9.12.2. A punição será de banimento de 1 (um) mês a 1 (um) ano, se o jogador já tiver sido punido múltiplas vezes.

9.13. Divulgar, no servidor do Discord da FBTF ou no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), fotografias, imagens, desenhos, vídeos, .gifs animados, que tragam expressões ou conteúdo racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, pornográficas, explícitas, parcial ou integralmente, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
Punição: suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas.
9.13.1. A vedação inclui os links, encurtados ou não, os códigos de barra ou os QR-Codes ou quaisquer outros instrumentos de ancoragem digital que façam referência ao conteúdo proibido.
9.13.2. A punição será de banimento de 2 (dois) meses a 1 (um) ano, se o jogador já tiver sido punido anteriormente por infração leve.

9.14. Utilizar, durante as partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), itens cujos nomes ou cujas descrições tenham sido alterados para incluir expressões indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas.
Punição: advertência.
9.14.1. A punição será de suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas, se:
• 9.14.1.1. Os nomes ou as descrições dos itens contiverem conteúdo racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
• 9.14.1.2. Se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração leve.
9.14.2. A punição será de banimento de 1 (um) mês a 1 (um) ano, se o jogador já tiver sido punido múltiplas vezes.

9.15. Inserir, durante as partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), nome de equipe contendo expressões indecorosas, injuriosas, difamatórias, caluniosas.
Punição: advertência.
9.15.1. A punição será de suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas, se:
• 9.15.1.1. Os nomes das equipes contiverem conteúdo racistas, homofóbicas, supremacistas, sexistas, xenofóbicas, ou que importem, de qualquer forma, preconceito, racismo, discurso de ódio, incentivo à autolesão ou ao suicídio, violação à intimidade, à honra ou à propriedade intelectual de jogadores ou de terceiros, ou qualquer outra forma de conduta ilícita.
• 9.15.1.2. Se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração leve.
9.15.3. A punição será de banimento de 1 (um) mês a 1 (um) ano, se o jogador já tiver sido punido múltiplas vezes.
9.15.4. Se não puder ser individualizado o responsável pelo nome da equipe, será punido o líder desta ou quem tiver escolhido os jogadores.

9.16. Entrar o jogador em servidor do Team Fortress 2 no momento em que ocorra partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2) em que não deva participar.
Punição: advertência.
9.16.1. A punição será de suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas se o agente já tiver sido punido anteriormente por fato similar.
9.16.2. Além das punições previstas nesta regra, caso a presença do espectador tenha causado comprovado prejuízo à partida, esta será revertida ou anulada.
9.16.3. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.16.4. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometeram a infração desta regra.

9.17. Permitir o responsável pelo servidor a realização de partida com o arquivo de configuração (.cfg) ou com arquivo de whitelist diferentes dos indicados por este regulamento ou em versão diferente do mapa daquela indicada pela Equipe da FBTF.
Punição: advertência.
9.17.1. A punição será de suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas, se o agente já tiver sido advertido anteriormente por fato similar.
9.17.2. Caso a irregularidade tenha causado comprovado prejuízo na partida, esta será revertida ou anulada.
9.17.3. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).

9.18. Divulgar, por qualquer meio, informações pessoais de outro jogador, como nome, endereço, RG, CPF, passaporte, endereço de IP, fotografias, números de telefone, endereço de e-mail e etc.
Punição: advertência.
9.18.1. A punição será de suspensão de 2 (duas) a 4 (quatro) rodadas, se o agente já tiver sido advertido por fato similar.
9.18.2. A punição será de banimento de 4 (quatro) meses a 4 (quatro) anos, se o agente já tiver sido punido múltiplas vezes por fato similar ou se informações pessoais trouxerem conteúdo vexatório, discriminatório, racista, homofóbico, supremacista, sexista, íntimo ou pornográfico, explícito ou simulado, parcial ou integralmente.
9.18.3. A punição não será aplicada se o agente comprovar que o ofendido é maior de 18 (dezoito) anos e concordou com a divulgação das informações pessoais.
9.18.4. Incide nas mesmas penas o jogador que se utilizar de qualquer espaço fornecido pela FBTF para solicitar ou obter informações pessoais de outro jogador menor de 18 (dezoito) anos, incluindo endereço, RG, CPF, passaporte, endereço de IP, fotografias, números de telefone, endereço de e-mail e etc.
9.18.5. No caso da regra 9.18.4., a concordância do jogador ofendido não exclui a infração.

9.19. Deixar o líder de equipe, até o encerramento da rodada, de postar o resultado na página da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), incluindo, obrigatoriamente, link para os logs.tf ou sizzlingstats.
Punição: advertência
9.19.1. A punição será de suspensão de 1 (uma) a 4 (quatro) rodadas, se o agente já tiver sido advertido anteriormente por fato similar.
9.19.1. Incide nas mesmas punições o líder que, até o encerramento da rodada, deixar de confirmar o resultado postado pelo líder da equipe adversária.

Rol de infrações graves
9.20. Desobedecer, por qualquer meio ou modo, as determinações expedidas pela Equipe da FBTF com base neste regulamento, desde que o fato não constitua outra infração mais grave.
Punição: suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas.
9.20.1. A punição será de banimento de 1 (um) a 3 (três) meses, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima, sem prejuízo da aplicação das sanções por outras infrações cometidas.

9.21. Utilizar, durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), arma que estava proibida pela whitelist divulgada pela Equipe da FBTF.
Punição: suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas.
9.21.1. A punição será de suspensão de 2 (duas) semanas a 3 (três) meses, se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração grave ou gravíssima.
9.21.2. A punição será de banimento de 1 (um) a 3 (três) meses, se o agente já tiver sido punido múltiplas vezes por infração grave ou gravíssima.
9.21.3. Além do jogador infrator, será punido também o líder da equipe com advertência.
9.21.4. A punição do líder será de suspensão de 1 (uma) a 4 (quatro) rodadas, se já tiver sido punido anteriormente por infração grave ou gravíssima.
9.21.5. Caso o uso de arma proibida tenha causado comprovado prejuízo na partida, esta será revertida ou anulada.
9.21.6. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.21.7. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

9.22. Utilizar, durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), classe que exceda aos limites permitidos por este regulamento.
Punição: suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas.
9.22.1. A punição será de suspensão de 2 (duas) semanas a 3 (três) meses, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.22.2. A punição será de banimento de 1 (um) a 3 (três) meses, se o agente já tiver sido punido múltiplas vezes por infração grave ou gravíssima.
9.22.3. Além do jogador infrator, será punido também o líder da equipe com advertência.
9.22.4. A punição do líder será de suspensão de 1 (uma) a 4 (quatro) rodadas, se já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.22.5. Caso o uso da classe excedente tenha causado comprovado prejuízo na partida, esta será revertida ou anulada.
9.22.6. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.22.7. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

9.23. Utilizar, durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), da funcionalidade de pausa abusivamente, excedendo as regras deste regulamento ou com a intenção de prejudicar a equipe adversária.
Punição: suspensão de 1 (uma) a 3 (três) rodadas.
9.23.1. A punição será de suspensão de 2 (duas) semanas a 3 (três) meses, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.23.2. A punição será de banimento de 1 (um) a 3 (três) meses, se o agente já tiver sido punido múltiplas vezes por infração grave ou gravíssima.
9.23.3. Além do jogador infrator, será punido também o líder da equipe com advertência.
9.23.4. A punição do líder será de suspensão de 1 (uma) a 4 (quatro) rodadas, se já tiver sido punido anteriormente por infração grave ou gravíssima.
9.23.5. Caso o uso irregular da pausa tenha causado comprovado prejuízo na partida, esta será revertida ou anulada.
9.23.6. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.23.7. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

9.24. Utilizar o líder de equipe mais jogadores do que o limite máximo de 6 (seis) durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
Punição: suspensão de 1 (uma) a 4 (quatro) rodadas.
9.24.1. A punição será de banimento de 1 (um) a 4 (quatro) meses, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.24.2. Além do líder, será punido com a mesma reprimenda também o jogador que participou da partida além do limite máximo de 6 (seis).
9.24.3. Caso a presença do jogador sobressalente tenha causado comprovado prejuízo na partida, esta será revertida ou anulada.
9.24.4. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.24.5. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

9.25. Utilizar o líder de equipe jogador não autorizado a jogar durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
Punição: suspensão de 1 (uma) a 4 (quatro) rodadas.
9.25.1. A punição será de banimento de 1 (um) a 4 (quatro) meses, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.25.2. Além do líder, será punido com a mesma reprimenda também o jogador que participou da partida em situação irregular.
9.25.3. Comprovada a infração, será revertida a partida em benefício da equipe adversária.
9.25.4. Antes da decretação da reversão, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.25.5. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

9.26. Utilizar o líder de equipe, durante partida da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), mercenário que foi recusado pelo líder da equipe adversária ou cuja aceitação foi obtida mediante erro ou dolo.
Punição: suspensão de 2 (duas) a 6 (seis) rodadas.
9.26.1. A punição será de banimento de 2 (dois) a 6 (seis) meses, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.26.2. Além do líder, será punido com a mesma reprimenda também o mercenário que participou da partida.
9.26.3. Comprovada a infração, será revertida a partida em benefício da equipe adversária.
9.26.4. Antes da decretação da reversão, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.26.5. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

9.27. Recusar-se ou falhar a fornecer a POV/demo requisitada pelo líder da equipe adversária ou pela Equipe da FBTF no prazo de 48 (quarenta e oito) horas da solicitação:
Punição: suspensão por 1 (uma) a 3 (três) rodadas.
9.27.1. A punição será de banimento de 3 (três) meses a 1 (um) ano, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.27.2. Além do jogador infrator, será punido também o líder da equipe com advertência.
9.27.3. A punição do líder será de suspensão de 1 (uma) a 4 (quatro) rodadas, se já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.27.4. Caso haja fundada suspeita de irregularidade que tenha causado prejuízo à partida, esta poderá ser revertida.
9.27.5. Antes da decretação da reversão, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.27.6. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

Rol de infrações gravíssimas
9.28. Solicitar, durante partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), por qualquer meio, informações aos integrantes da equipe adversária, visando a obter qualquer vantagem competitiva não autorizada.
Punição: banimento de 4 (quatro) meses até 2 (dois) anos.
9.28.1. A punição será de banimento permanente, se o agente já tiver sido punido por infração gravíssima.
9.28.2. Respeitada a individualização das punições, também será punida com a mesma reprimenda a pessoa que repassar a informação solicitada.
9.28.3. Comprovada a infração, será anulada a partida.
9.28.4. Antes da decretação da anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).

9.29. Utilizar, durante partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), quaisquer comandos de administração do servidor, como kick, ban, slay, slap, drug, entre outros, para obter vantagem competitiva não autorizada sobre a equipe adversária ou para beneficiar esta.
Punição: banimento de 4 (quatro) meses até 2 (dois) anos.
9.29.1. A punição será de banimento permanente, se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração grave ou gravíssima.
9.29.2. Caso o uso dos comandos tenha causado comprovado prejuízo para a partida, esta será revertida.
9.29.3. Antes da decretação da reversão, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.29.4. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham cometido a infração prevista nesta regra.

9.30. Alterar, durante partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), os arquivos de configuração (.cfg) ou de whitelist previstos neste regulamento, para obter qualquer vantagem competitiva não autorizada sobre a equipe adversária.
Punição: banimento de 6 (seis) meses até 2 (dois) anos.
9.30.1. A punição será de banimento permanente, se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração grave ou gravíssima.
9.30.2. Caso as alterações tenham causado comprovado prejuízo para a partida, esta será revertida ou anulada.
9.30.3. Antes da decretação da reversão ou anulada, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.30.4. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham cometido a infração prevista nesta regra.
9.30.5. Incidirá nas mesmas penas o jogador que utilizar, durante partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), bugs, glitches ou exploits do Team Fortress 2, para obter qualquer vantagem competitiva não autorizada sobre a equipe adversária.
9.30.6. Nos casos da regra. 9.30.5., consideram-se bug, glitches ou exploits proibidos durante a Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2): ativar a pose padrão dos modelos (civilian pose), alterar a transparência da mira da sniper, ativar box shadows, alterar sons ou o volume de spy cloak, dos passos (footsteps) ou da Ubercharge, utilizar modificadores de áudio para alterar o volume de sons do jogo, alterar ou editar superfícies do jogo, permitir transparência de objetos, spammar hud_reloadscheme, utilizar scripts para interferir com a hitbox, utilizar bugs para “congelar” a classe, atirar através de portas sem estarem abertas, fixar stickybombs suspensas no ar, atirando-as no trem em movimento, parar o trem por colisão entre players em cima dele, buggar o airblast do pyro, impossibilitando sua visualização, construir construções de engenheiro dentro da área do Spawn, utilizar desvio de strafe no Chargin’ Targe, utilizar script para redução de delay no tiro do Sniper, utilizar script ou outro comando de servidor para burlar o período de respawn, forçar stickybombs através de paredes, para que consigam explodir através delas sem poder ser percebidas ou destruídas, detonação automática de stickybombs, utilizar o comando retry para burlar o período de respawn, carregar Übercharge durante a pausa, entre outros que confiram vantagem competitiva não autorizada sobre a equipe adversária.
9.30.7. São permitidos: scripts de say ou de say_team, binds, scripts para mascarar Ubercharge, script crouch jump, script de rocketjump, desde que não utilize o comando wait, script de alteração de loudout, script de mudança de Spawn, script de null-movement.

9.31. Utilizar, durante partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), o sistema de espectadores, o recurso de STV ou qualquer outra funcionalidade do servidor ou de transmissão de dados para obter qualquer vantagem competitiva não autorizada sobre a equipe adversária.
Punição: banimento de 6 (seis) meses até 2 (dois) anos.
9.31.1. A punição será de banimento permanente, se o agente já tiver sido punido anteriormente por infração grave ou gravíssima.
9.31.2. Caso a conduta tenha causado comprovado prejuízo para a partida, esta será revertida em benefício da equipe adversária.
9.31.3. Antes da decretação da reversão, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.31.4. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham cometido a infração prevista nesta regra.
9.31.5. Incidirá nas mesmas punições o jogador que fizer transmissão da sua POV por streaming sem respeitar o atraso mínimo de 2 (dois) minutos ou que utilizar a transmissão, de qualquer modo, para obter vantagem competitiva não autorizada sobre a equipe adversária.

9.32. Proferir, por qualquer meio, por intermédio de funcionalidade de chat escrito ou de voz, ofensas a integrante da Equipe da FBTF, utilizando-se de expressões injuriosas, difamatórias, caluniosas ou ofensivas ao decoro.
Punição: banimento de 6 (seis) meses a 2 (dois) anos.
9.32.1. A punição será de banimento de 9 (nove) meses a 3 (três) anos, se as ofensas tiverem sido proferidas por intermédio dos contatos pessoais dos integrantes da Equipe da FBTF (redes sociais, contratos profissionais, etc).

9.33. Usurpar, por qualquer meio, o cargo de membro da Equipe da FBTF, fingindo, falsamente, ser administrador ou moderador da FBTF.
Punição: banimento de 6 (seis) meses até 2 (dois) anos.
9.33.1. A punição será de banimento de 1 (um) até 3 (três) anos, se o agente já tiver sido punido por fato similar.

9.34. Ludibriar ou tentar ludibriar a Equipe da FBTF, com a intencional apresentação de documento, de arquivo ou de informação inverídica ou recu-sando-se a fornecer informações, documentos, arquivos ou comprovantes so-licitados com base neste regulamento.
Punição: banimento de 6 (seis) meses até 2 (dois) anos.
9.34.1. A punição será de banimento de 1 (um) até 3 (três) anos, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.34.2. Incorre na mesma pena o jogador que, em relação a qualquer aspecto relevante da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), prestar informações falsas à Equipe da FBTF ou deixar de divulgar as informações verdadeiras.

9.35. Empregar ou tentar empregar quaisquer meios tecnológicos ou informáticos para impedir, reduzir ou negar funcionalidades aos servidores de Team Fortress 2 utilizados para partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), incluindo, mas não se limitando a ataques de DDOS, à utilização de lag bots e à utilização de lag exploits.
Punição: banimento de 1 (um) a 3 (três) anos.
9.35.1. A punição será de banimento permanente, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.35.2. Será também punido com as mesmas reprimendas quem patrocinar as condutas proibidas por esta regras, auxiliando ou instigando o infrator.
9.35.3. Caso os meios tecnológicos utilizados tenham causado comprovado prejuízo à partida, esta será revertida ou anulada.
9.35.4. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.35.5. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham cometido a infração prevista nesta regra.
9.35.6. Incide nas mesmas penas o jogador que empregar ou tentar empregar quaisquer meios tecnológicos ou informáticos para impedir, reduzir ou negar funcionalidades aos equipamentos de outro jogador durante partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).

9.36. Negociar, onerosa ou gratuitamente, por qualquer meio, a fixação de resultado das partidas da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), com a finalidade de beneficiar a si ou a terceiro.
Punição: banimento de 1 (um) a 3 (três) anos.
9.36.1. A punição será de banimento permanente, se o agente já tiver sido punido por infração grave ou gravíssima.
9.36.2. Será também punido quem patrocinar as condutas proibidas por esta regras, auxiliando ou instigando o agente ou participando da negociação.
9.36.3. Comprovada a infração, serão revertidas ou anuladas as partidas afetadas.
9.36.4. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.36.5. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham cometido a infração prevista nesta regra.

9.37. Compartilhar a sua conta da Steam, do Discord ou do site oficial da FBTF (https://fbtf.tf), permitindo que outra pessoa assuma, falsamente, a sua identidade durante partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
Punição: banimento de 2 (dois) a 4 (quatro) anos.
9.37.1. A punição será de banimento permanente, se o agente já tiver sido punido por infração gravíssima.
9.37.2. Respeitada a individualização das punições, também será punida com a mesma reprimenda a pessoa que tiver assumido, falsamente, a identidade do agente.
9.37.3. Comprovada a infração, será revertida ou anulada a partida em que tiver jogado o jogador falso.
9.37.4. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.37.5. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

9.38. Utilizar mais de uma conta da Steam ou do site oficial da FBTF, assumindo, falsamente, identidade que não a sua durante partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2).
Punição: banimento de 2 (dois) a 4 (quatro) anos.
9.38.1. A punição será de banimento permanente, se o agente já tiver sido punido por infração gravíssima.
9.38.2. Respeitada a individualização das punições, também será punida com a mesma reprimenda a pessoa que tiver permitido que o agente assuma, falsamente, a sua identidade.
9.38.3. Comprovada a infração, será revertida ou anulada a partida em que tiver jogado o jogador falso.
9.38.4. Antes da decretação da reversão ou anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.38.5. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

9.39. Utilizar, durante partidas ou treinos da Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2), equipamentos ou software que permitam ao usuário qualquer vantagem competitiva não autorizada sobre os demais jogadores, ainda que apenas informacional, incluindo, mas não se limitando a wallhack, speedhack, crithack, aimbot, silent aim, LMAOBox, MultiBox, fake lag e ubertracker.
Punição: banimento de 4 (quatro) a 6 (seis) anos.
9.39.1. A punição será de banimento permanente, se o agente já tiver sido punido por infração gravíssima.
9.39.2. Além do jogador infrator, será punido também o líder da equipe com advertência.
9.39.3. A punição do líder será de suspensão de 1 (uma) a 4 (quatro) rodadas, se já tiver sido advertido anteriormente por infração grave ou gravíssima.
9.39.4. Comprovada a infração, será revertida a partida em benefício da equipe adversária.
9.39.5. Antes da decretação da reversão, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).
9.39.6. Será mantido o resultado, caso ambas as equipes tenham jogadores que cometerem as infrações desta regra.

Rol de infrações cometidas por integrantes da Equipe da FBTF
9.40. Deixar, por indulgência, de responsabilizar jogador que cometeu infração ou não levar o fato ao conhecimento dos demais integrantes da Equipe da FBTF.
Punição: a mesma da infração ocultada, além da imediata expulsão da Equipe da FBTF.

9.41. Solicitar ou receber, para si ou para outrem, direta ou indiretamente, ainda que fora da função de integrante da Equipe da FBTF ou antes de assumi-la, mas em razão dela, vantagem indevida, ou aceitar promessa de tal vantagem.
Punição: banimento de 8 (oito) meses a 3 (três) anos, além da imediata expulsão da Equipe da FBTF.
9.41.1. Além do integrante da Equipe da FBTF, será punido com a mesma reprimenda a pessoa que houver oferecido ou pago a indevida vantagem ou feita a promessa de recompensa.
9.42.2. Comprovada a infração, serão revertidas ou anuladas as partidas que tiverem sido influenciados pelo integrante da Equipe da FBTF.
9.42.3. Antes da decretação da reversão ou da anulação, serão ouvidos os líderes das equipes envolvidas exclusivamente por intermédio da página oficial da partida no site oficial da FBTF (https://fbtf.tf).

9.43. Abusar da condição de integrante da Equipe da FBTF, beneficiando a si mesmo ou a outrem por intermédio da manipulação das regras ou do formato da competição ou aplicando incorretamente este regulamento.
Punição: banimento de 8 (oito) meses a 3 (três) anos, além da imediata expulsão da Equipe da FBTF.
9.43.1. Incide na mesma punição o integrante da Equipe da FBTF que:
• 9.43.1.1. Mudar, indevidamente, o resultado de votações para beneficiar a terceiro ou a si mesmo;
• 9.43.1.2. Alterar, artificiosamente, o calendário da Liga Brasileira de Team Fortress 2 para beneficiar a terceiro ou a si mesmo;
• 9.43.1.3. Imponha aos jogadores a obediência a regra não prevista neste regulamento para beneficiar a terceiro ou a si mesmo;
• 9.43.1.4. Obrigue jogador a fazer ou deixar de fazer qualquer ato não previsto neste regulamento.

9.44. Divulgar documentos, imagens, áudios ou vídeos contendo informações pessoais dos jogadores cadastrados na FBTF, exceto quando necessário para comprovar a ocorrência de infração regulamentar.
Punição: banimento de 8 (oito) meses a 3 (três) anos, além da imediata expulsão da Equipe da FBTF.

9.45. Praticar atos referentes à autoridade de membro da Equipe da FBTF fora das hipóteses previstas neste Regulamento, beneficiando ou prejudicando qualquer equipe ou jogador inscrito na Liga Brasileira de Team Fortress 2 (LBTF2)
Punição: banimento de 8 (oito) meses a 3 (três) anos, além da imediata expulsão da Equipe da FBTF.

No threads found